Coluna 1

sábado, 31 de agosto de 2013

Domingo de chuvas isoladas no Norte do País

O TEMPO E A TEMPERATURA: 
Neste domingo, a Região Norte tem tempo parcialmente nublado a nublado com chuvas isoladas no noroeste do Amazonas, nordeste do Pará e Roraima. 

Nas demais áreas da Região, tempo claro a parcialmente nublado com névoa seca. A temperatura mínima vai ser de 19 graus e a máxima de 39. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia. 

'A gente precisa de matador', diz Arthurzinho

Após o empate sem gols contra o Bragantino-SP, fora de casa, neste sábado (31), pela Série B do Campeonato Brasileiro, o técnico Arthurzinho caracterizou o principal problema bicolor, a falta de um homem gol na equipe, devido a oportunidades perdidas ao longo do jogo.

“A gente precisa de matador porque criamos oportunidades de gol e não conseguimos aproveitar, sem contar no padrão de jogo da equipe que foi muito bom diante do Bragantino, jogando bem os dois tempos”, afirma o treinador.

O comandante alviceleste ainda ressaltou a postura do time dentro de campo, que em relação às últimas partidas, apresentou uma melhora significativa. “Uma das coisas no futebol é não temer adversário nenhum e jogar um futebol agressivo e no jogo de hoje, um pouco mais de capricho e eficiência, poderíamos ter saído com a vitória”.

Para a partida contra o Sport-PE, na próxima terça-feira (3), o técnico espera contar com os novos reforços e os jogadores que ficaram em Belém, no departamento médico. “Espero contar com o Max e o Aleilson, além dos jogadores que ficaram em Belém no DM para que possamos vencer em casa e sair dessa situação”.
(Diego Beckman/DOL)

Paysandu empata e soma seu 1º ponto fora de casa

Apesar do ponto, Bicola caiu uma posição e fechou rodada na vice-lanterna da Série B.
Faltando um jogo para chegar à metade da Série B do campeonato brasileiro, o Paysandu, enfim, conseguiu seu primeiro ponto marcado fora de seus domínios, com um empate sem gols diante do Bragantino, no Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP). 

Porém, por combinação de outros resultados, o Bicola acabou a rodada de volta à vice-lanterna da competição.

Para o Bragantino, o empate o manteve na 11ª colocação, mas acabou com um tabu histórico contra os bicolores, já que o alvinegro paulista tinha vencido todos os três jogos realizados até então contra o Papão.

Para a próxima partida, o Paysandu, que teve a estreia de três jogadores, enfrentará o Sport Recife, na Curuzu, às 21h50 desta terça-feira (3). Já o Bragantino vai a Florianópolis (SC) para enfrentar o Figueirense, às 19h30, no Orlando Scarpelli.


SEMSA entrega Kits de trabalhos a 450 Agentes Comunitários de Saúde.

A Prefeitura de Santarém, através da Secretaria Municipal de Saúde, realizou a entrega dos kits para o trabalho de campo dos 450 Agentes Comunitários de Saúde (ACS’S), que já atuam na área urbana e rural do município. Os kits são compostos por material de papelaria, boné e camisas. 
No próximo dia 04 de outubro, o município entregará mochila e mais duas camisas. 
 O prefeito Alexandre Von destacou que este é um compromisso resgatado durante as primeiras reuniões com os profissionais, realizadas no primeiro semestre. Segundo o prefeito, o investimento em suporte aos ACS’s é importante porque eles são importante na estratégia de promover saúde e na prevenção às doenças, dentro da atenção básica.
 CCOM/PREFEITURA DE SANTARÉM

Consumidores recebem conta de luz com reajuste

As contas de energia elétrica que estão sendo recebidas pelos consumidores paraenses neste final de mês de agosto, estão bem mais caras.  
A exemplo de anos anteriores, o reajuste para este ano em todo o estado, em vigor desde o dia 07 de agosto de 2013, também foi segmentado. Para os consumidores residenciais de baixa tensão, o reajuste médio será de 11,52% e para grandes consumidores será em média de 4,38%.

O reajuste de 11,52% para os consumidores residenciais que começa a ser cobrado neste mês foi de quase duas vezes a inflação calculada para os últimos 12 meses em torno de 6,50%. Segundo estudos do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), este reajuste é o 14º na tarifa de energia elétrica dos paraenses.

Ainda de acordo com o Dieese, a elevação acumulada nas contas de energia para o consumidor residencial paraense, desde a privatização, em julho de 1998, até agora, já chega a aproximadamente 285%. Para os grandes consumidores, o reajuste acumulado no mesmo período também é expressivo.

Segundo o estudo, somente nos últimos 11 anos, o reajuste médio para o setor comercial e industrial no Pará, já acumula um total de 165%, assim distribuídos: em 2003 (reajuste de 29,65%); 2004 (11,98%); 2005 (14,78%); 2006 (7,20%); 2007 a redução variou entre 6,56% a 11,10%; 2008 (16,95%); 2009 (4,24%); 2010 (10,47%). 

Em 2011, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) não autorizou reajuste, mas sim uma prorrogação dos percentuais autorizados em 2010 (10,47%); em 2012 o reajuste chegou a 14,90% e para este ano o reajuste autorizado foi de 4,36%.

Duplo impacto
Com esses dados, a população deverá sofrer novamente um duplo impacto, o primeiro pelo próprio reajuste da tarifa nas contas residenciais bem acima da inflação e o segundo pela inflação. 

O reajuste, segundo a Celpa, foi autorizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), e as novas tarifas entraram em vigor no início de agosto para 1,8 milhão de unidades consumidoras localizadas em 183 municípios do Pará.
(Diário do Pará)

Celpa terá que diminuir em 50% número de reclamações

Ultimato foi dado pela Aneel em publicação no DOU.
A Centrais Elétricas do Pará (Celpa) deverá reduzir em 50% o número de reclamações procedentes aos consumidores, até 2017. A determinação é da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que em portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU) fixou novos padrões para tratamento de reclamações dos usuários das companhias de energia e estabeleceu novos índices de qualidade para avaliá-las. 

O objetivo da agência é incentivar a eficiência no tratamento das reclamações e também estimular a redução do número de solicitações atendidas, pois elas indicam eventuais erros das empresas e uma má qualidade do serviço.

De acordo com a Aneel, o percentual de protestos em que os clientes têm razão, e que por isso indicam falha nos serviços prestados pelas empresas de fornecimento de energia, deverão ser reduzidos gradualmente em pouco mais de quatro anos. No Pará, a Celpa terá o compromisso de reduzir o índice de reclamações, conhecido como a Frequência Equivalente de Atendimento à Reclamação (Fer) de 36 (2013) para 26 (2017). 

A Fer diz respeito à quantidade máxima de reclamações procedentes permitidas por ano, a cada mil Unidades Consumidoras (UC). A Aneel estabeleceu os limites dos índices de acordo com a quantidade de UC´s. Para companhias com menos de 60 mil UC´s, o máximo de revindicações procedentes deverá recuar de 54 para 8, entre 2013 e 2017. Para empresas com entre 60 mil e 400 mil UC´s, a redução terá que ser de 28 para 18, e para aquelas com mais de 400 mil UC´s, como é o caso da Celpa, a queda precisa ser de 50 para 26. 

Os números mínimos de reclamações foram mantidos em 12, 15 e 8, respectivamente. Os valores mínimos e máximos para o limite do Fer, anualmente, correspondem aos percentuais calculados em cada grupo a partir do Fer médio das distribuidoras nos anos de 2010 a 2012. Nos anos de 2013 a 2017, os limites de cada distribuidora foram estabelecidos considerando o menor número de reclamações e os valores obtidos por análise histórica. 

Para o ano de 2013 foi considerado o valor de 120% sobre o maior valor histórico nos anos de 2010 a 2012, e para o ano de 2017, o valor de 120% sobre o menor valor histórico nos anos de 2010 a 2012. Entre 2014 e 2016, foi utilizado o valor do ano anterior reduzido do montante de 25% sobre a diferença entre os valores de 2013 e de 2017.

Além de cumprir com os limites do Fer, as empresas também deverão preocupar-se em solucionar os problemas colocados, com razão, pelos clientes. O indicador Duração Equivalente de Reclamação (Der) será utilizado para o monitoramento da qualidade, devendo a distribuidora observar na solução individual das reclamações os prazos estabelecidos nas Condições.

São consideradas no cálculo da meta de reclamações atendidas as reclamações comerciais: sobre faturamento, prazos e atendimento. As queixas têm de  feitas diretamente nas distribuidoras, não serão aceitas as feitas nas agências estaduais conveniadas e na Aneel. A agência reguladora vai acompanhar e avaliar, anualmente, o cumprimento dos indicadores. 

Em caso de descumprimento do que foi determinado a companhia será punida com multas. Será publicada uma resolução específica para tratar de penalidades, que começarão a ser aplicadas em 20156, com base nos indicadores de 2014. As distribuidoras terão 120 dias, a contar desta terça, data de publicação da medida, para adequarem sua estrutura técnica e comercial.

Limites de Frequência Equivalente de Atendimento à Reclamação (Fer) por ano - Celpa (Mais de 400 mil Unidades Consumidoras):
2013 - 36
2014 - 34
2015 - 30
2016 - 28
2017 - 26
Rafael Querrer (ORM - sucursal em Brasília)

Semana da Pátria 2013 inicia neste domingo.

Neste domingo, às 07h30, em frente ao Museu João Fona, iniciam os desfiles da Semana da Pátria 2013. A abertura oficial contará com o hasteamento da bandeira nacional, das bandeiras de todos os Estados e do município, assim como a apresentação do Instituto Maestro Wilson Fonseca e Escola de Música Wilde Fonseca.

O percurso do primeiro dia será: Rua do Imperador / Adriano Pimentel entre a Trav. Nazaré e Trav. 15 de Novembro.  

 As escolas que irão desfilar no domingo serão as seguintes:
1ª- Escola Cristã Catarina Huber
2ª- SEIHB – Sociedade de Educação e Integração Humana do Brasil
3ª- Escola Particular Abelinha
4ª- E. M. E. I. F. Fluminense
5ª- Escola Particular Caixinha do Saber
6ª- Colégio Batista de Santarém
7ª- Escola Tomás Pompeu de Souza Brasil Neto – SESI
8ª-Programas da SEMED: Mais Educação / Rede Vencer: Gestão Nota 10, Circuito Campeão, Se Liga, PNAIC, Ciranda de Arte, Escola Ativa, Educação Física e NIE (Núcleo de Informática Educativa)
-Programas SEMTRAS: Serviços de Convivência (Participantes de 6 a 15 anos, Idosos do CRAS e Idosos dos Centros de Convivências)
-Programas da SEMJEL: Vida Ativa e PST
9ª- Clube dos Desbravadores
10ª- Escola Bíblica Dominical
A programação encerra no dia 09 de setembro com o VI Festival de Bandas e Fanfarras, às 19h, na Orla da Cidade.
 CCOM/PREFEITURA DE SANTARÉM

MP ajuíza ação civil contra Celpa por má qualidade dos serviços em Altamira

Multa por danos morais pode chegar a até um milhão de reais.
O Ministério Público do Estado do Pará, por intermédio do promotor de Justiça da 5ª Promotoria de Direitos Constitucionais Fundamentais de Altamira, Gustavo Rodolfo Ramos de Andrade, protocolou ontem, 29, junto à 4ª Vara Cível de Altamira, ação civil pública em defesa dos direitos e interesses do consumidor e na defesa do interesse social contra as Centrais Elétricas do Pará S.A (Celpa).

As constantes quedas, oscilações e interrupções de energia elétrica na cidade de Altamira têm causado constantes prejuízos à população como um todo, afetando o funcionamento de empreendimentos, órgãos públicos, estabelecimentos de saúde públicos e privados, a vida social e negócios da população. Esses foram os principais motivos para o ajuizamento da ACP pela Promotoria de Altamira.

Desde 2011 o MP reúne com a comunidade e representantes de movimentos sociais para discutir as providências que serão tomadas sobre o fornecimento precário de energia no município. Eles afirmam que “são constantes as quedas, períodos prolongados sem energia, precária qualidade do fornecimento, aumento desproporcional no valor da tarifa, além da não distribuição de energia elétrica em vários bairros da cidade”.

O promotor de Justiça Gustavo de Andrade ressalta que “é preciso que se cumpram as leis que regem a prestação de serviço de energia elétrica, além de atendimentos aos direitos dos cidadãos e consumidores que pagam as suas faturas de energia regularmente, sem que, no entanto, recebam a contrapartida desejada, qual seja, a prestação do fornecimento de energia elétrica de forma correta, contínua e eficiente”.

Entre os pedidos feitos pelo MP à 4ª Vara Cível de Altamira estão a cobrança de multa de um milhão de reais, como reparação por danos morais causados à comunidade Altamirense.
 
Solicita ainda que sejam realizadas providencias técnicas a fim de evitar interrupções no fornecimento de energia elétrica, além de oscilações e quedas de tensão; redução no preço da tarifa em 50% do valor normalmente cobrados até que volte os padrões permitidos pela ANEEL; realização de reparos, substituição, aperfeiçoamento e ampliação das linhas de distribuição e transmissão aos bairros ainda não atendidos, bem como regularização das instalações de bairros com ligações clandestinas; indenização aos consumidores lesados por danos materiais causados pelas quedas constantes de energia.

Caso as liminares sejam descumpridas, o MP solicita ainda que seja cobrada uma multa diária no valor de dez mil reais.
(Portal ORM)
 

MENSAGEM DO DIA

                                                                       Se deseja                                
                                                         promover a paz no mundo,
                                                                 comece a vivê-la
                                                              em sua própria casa;
                                                      se quer a paz em nosso país,
                                              comece a promovê-la em sua cidade;
                                                     se almeja a paz no seu bairro,
                                                                comece a dizer
                                                       "Bom dia!" a seu vizinho.
                                                              "A paz depende
                                                    da boa vontade das pessoas",
                                                    afirmou o Papa João Paulo II.
                                                                Pense nisso!
                                          Excelente final de semana extensivo à família. 


sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Céu encoberto e chuva na região Norte, neste sábado

O TEMPO E A TEMPERATURA: 
O sábado vai ser de tempo encoberto a nublado com pancadas de chuva no centro-norte do Amazonas e em Roraima. 

Em Rondônia e no Tocantins, o céu aparece claro a parcialmente nublado com névoa seca. Nas demais áreas da região Norte, o sábado vai ser de tempo parcialmente nublado. 

A temperatura fica estável com mínima de 16 e máxima de 38 graus. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia. 

Número de fumantes no Brasil cai 20% em seis anos

O número de brasileiros fumantes acima de 18 anos caiu 20% nos últimos seis anos. A informação é da pesquisa Vigitel 2012, Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico, do Ministério da Saúde. O levantamento aponta ainda que 12% da população brasileira fuma. 

Em 2006, esse índice era de 15%. A pesquisa Vigitel identificou ainda que o número de fumantes passivos dentro de casa e em locais de trabalho também diminuiu. O secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa, detalha as ações do ministério para redução do uso do cigarro no País.

Fala secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde – Jarbas Barbosa
"A renovação constante e a ampliação das mensagens nas fotografias, nos maços de cigarro, as restrições ao uso do cigarro em local público porque isso expõe as outras pessoas ao risco estimulando que estados e municípios fiscalizem locais de trabalho, locais de diversão, Desde 2011, o Ministério da Saúde vem tomando várias ações para ampliar o atendimento oferecido para aquelas pessoas que desejam parar de fumar e que buscam nas unidades do SUS receber esse tipo de atendimento."

 Segundo o secretário Jarbas Barbosa, as pessoas que param de fumar reduzem as chances de desenvolver doenças cardiovasculares.

Fala secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde – Jarbas Barbosa
"Parando de fumar ela reduz quase que imediatamente o risco dela de ter uma doença cardiovascular, de ter um infarto, de ter acidente vascular cerebral e assim por diante, segundo, que ao parar de fumar ele melhora a saúde de quem vive com ele, a saúde da família dele melhora, tomando essa decisão se ele precisa ele deve procurar auxílio numa unidade de saúde do SUS. "

Criado em 2006, o Programa Nacional de Controle do Tabagismo oferece tratamento gratuito contra o fumo no país. Para mais informações sobre a pesquisa Vigitel, acesse: www.saude.gov.br (Agência do Rádio)

Polícia Militar divulga resultado de concurso

A edição desta sexta-feira (30) do Diário Oficial do Estado traz a relação final dos aprovados em todas as etapas no concurso da Polícia Militar. O resultado está de acordo com a ordem de classificação, para admissão aos cursos de formação de oficiais e de soldados. 

A seleção foi organizada pela Universidade do Estado do Pará (Uepa), que também já divulgou no endereço paginas.uepa.br/concursos a relação dos aprovados.

Para os candidatos que estão na condição sub judice, a homologação final do concurso somente ocorrerá após a aprovação das etapas pendentes. A Polícia Militar convoca ainda candidatos ao curso de adaptação de oficiais para a quinta etapa do concurso, que corresponde à avaliação de títulos e desempate.

A documentação deve ser entregue de 8 às 16 horas, impreterivelmente na próxima terça-feira (3), em envelope A4 lacrado e etiquetado com nome completo e CPF do candidato, além da identificação de “Concurso Cado/ PM/ 2012 (Avaliação de títulos)”, no protocolo da Diretoria de Acesso e Avaliação da Uepa, na rua do Una, 156, bairro Telégrafo, CEP 66050-540, Belém – Pará. A documentação também pode ser enviada por Sedex.

O concurso público para provimento de vagas para a Polícia Militar começou em agosto de 2012, com a prova escrita, e seguiu com os exames antropométrico e médico, físico e psicotécnico. A seleção ofereceu 2.180 vagas, com salários que variam de R$ 622 a R$ 4.083,69.
(Agência Pará)

Prefeito propõe parceria para elaboração do Plano Estratégico e do Corredor de Turismo do polo Tapajós

Cento e oitenta e oito alunos do município de Santarém e 53 de Belterra receberam nesta sexta-feira, 30, os certificados referentes a conclusão de cursos do Programa Estadual de Qualificação ProfissionalPEQUTUR/PA. O PEQTUR  é um dos mecanismos do Plano Estratégico de Turismo – Ver-o-Pará, que objetiva o desenvolvimento de ações para o desenvolvimento do setor, através da qualificação profissional. 

Participaram da solenidade o prefeito Alexandre Von, a secretária municipal de Turismo, Irene Belo, o secretário de Estado de Turismo, Adenauer Góes, o secretário de Meio Ambiente e Turismo de Belterra, Pablo Aguiar, o vereador santareno Marcílio Cunha e entidades ligadas ao setor. 

Na oportunidade, o prefeito Alexandre Von propôs uma parceria entre o governo do Pará e os municípios de Santarém e Belterra para a formatação do Plano Estratégico de Turismo do polo Tapajós Santarém-Belterra e a elaboração de estudos técnicos, visando a implantação do projeto do Corredor de Turismo do polo Tapajós. 

“Um projeto que permita que a gente integre todos os produtos e atrativos turísticos da orla de Santarém e Belterra e transformemos este corredor em um dos principais destinos turísticos do Brasil”, explica o prefeito. 

No Corredor estariam integrados: Alter do Chão e as demais comunidades da orla de Santarém, Pindobal, Aramanaí e as demais comunidades de Belterra, a Floresta Nacional do Tapajós, a Reserva Extrativista Tapajós-Arapiuns – as duas juntas com mais de 1 milhão de ha de área protegida. Nele também estariam as APAS de Alter do Chão e Aramanaí. 

A titular da pasta de Turismo, Irene Belo, destacou a qualificação de um número satisfatório de mão de obra qualificada para atuar no setor do turismo. Adenauer Góes, por sua vez, elogiou a iniciativa de integrar os municípios do polo Tapajós e afirmou que o governo do Estado, através da PARATUR, será responsável pelos estudos técnicos.
 CCOM/PREFEITURA DE SANTARÉM

Conta de luz é 285% mais cara desde a privatização da Celpa, diz Dieese

Pesquisa aponta que reajustes da empresa são maiores que inflação.
Alta de energia elétrica causa efeito dominó na economia, diz Dieese.

O Departamento intersindical de Estudos Socioeconômicos (Dieese) divulgou nesta sexta-feira um estudo sobre o impacto da conta de luz no orçamento do Paraense. 

Segundo o departamento, desde que a Celpa foi privatizada, em 1998, a conta de luz sofreu 14 reajustes e ficou 285% mais cara. No mesmo período, a inflação foi estimada em 161%.

No dia 6 de agosto, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) definiu as tarifas do reajuste da Celpa em 2013. O aumento autorizado para as residências foi de 11,52% - quase o dobro da inflação que, segundo o Dieese, foi calculada em 6,50% nos últimos 12 meses. Indústrias, comércio e outros grandes consumidores também sofreram reajuste, mas o aumento é bem menor do que o da população: apenas 4,38%.


A alta afeta cerca de 1,9 milhão de unidades consumidoras nos 144 municípios do estado. Segundo o economista Roberto Sena, o reajuste afeta negativamente toda a economia do Pará. "A energia eletrica tem um efeito dominó na economia. 

Além do aumento residencial, o setor empresarial - que também teve reajuste - deve repassar para esse aumento para o consumidor. Isso não ocorre imediatamente, mas a cesta básica pode ficar mais cara", avalia.

Segundo a Celpa, o aumento não tem relação com o processo de recuperação judicial da empresa. Em nota, a empresa disse que o aumento foi causado pelo baixo nível nos reservatórios das hidrelétricas. 

Por conta disso, o Operador Nacional do Sistema (ONS), que é responsável pelo Sistema Interligado Nacional (SIN), teve de acionar usinas térmicas que geram energia com um custo maior que as hidrelétricas. Segundo a Celpa, o impacto da empresa no aumento foi de apenas 2, 71 pontos percentuais. (G1 Pará)

Insatisfeito com apoio aos clubes, Luís Omar Pinheiro confirma candidatura à FPF

Ex-presidente do Paysandu garante já estar em campanha.
O futebol paraense, longe dos seus melhores dias no que diz respeito ao cenário nacional de seus filiados, pode ganhar capítulos que prometem mexer com a parte política da Federação Paraense de Futebol (FPF). 
 O ex-presidente do Paysandu, Luís Omar Pinheiro, confirmou candidatura à presidência da entidade que comando o futebol local.

Em entrevista à rádio O Liberal CBN, LOP contou como está se preparando para tentar substituir Antônio Carlos Nunes de Lima no poder, o atual mandatário da FPF. O presidente do Papão durante o acesso do clube à Série B em 2012 confirmou já estar em campanha.
'Eu sou candidato, sim, a presidente da Federação Paraense de Futebol. 

Estou em campanha, andando pelo interior, conversando com presidentes de federações e clubes. Só de estar colocando meu nome na eleição, o futebol paraense já está ganhando, visto que o coronel (Nunes) nas últimas três eleições foi candidato único. Eu apresentar meu nome é uma mudança. Percebo que meu nome está sendo bem aceito', contou.

Ex-presidente de clube, Luís Omar usa esse fato como um dos argumentos para merecer a presidência da federação. Para o candidato, as federações de futebol do Norte não tratam os clubes com o devido valor. 'As federações de futebol, de um modo geral, não estão preocupadas com os clubes de futebol. Não estou falando do coronel Nunes, estou falando de todas as federações do Norte em geral', disparou.

Em suas visitas ao interior do Pará, a insatisfação era latente em presidentes de ligas e de clubes, segundo LOP. Em mais um de seus argumentos para lançar candidatura, o possível presidente da FPF citou o processo de mudança no Brasil e as manifestações nas ruas.
Existe muita insatisfação no interior, dos presidentes de ligas, dos presidentes de clubes amadores e profissionais. 

O que eu sinto está muito associado ao que acontece no Brasil em geral, das pessoas nas ruas. Há uma insatisfação. As pessoas estão clamando por mudança. A gente reconhece o trabalho que o Coronel fez nos últimos anos, não vou jogar pedra no que ele fez, mas as pessoas querem mudança', completou.

Luís Omar Pinheiro ainda não tem o nome das outras cinco pessoas que irão compor a sua chapa. As eleição para a Federação Paraense de Futebol (FPF) acontecem no final deste ano.
( Portal ORM)


Oriximiná está na rota do tráfico de pessoas

O município de Oriximiná, na região oeste do Pará, tem se transformado na mais recente rota para o tráfico de pessoas no Pará. 
A fragilidade de fiscalização na fronteira com o Suriname e o aperto policial a outras rotas mais conhecidas, facilitaram a inclusão do município no mapa do tráfico de pessoas voltado para a exploração sexual e o trabalho escravo. 

A denúncia foi feita pelo deputado estadual Carlos Bordalo durante a audiência pública convocada na Assembleia Legislativa para discutir o tráfico de pessoas ontem pela manhã. Segundo ele, o Pará possui vários trechos de fronteira de difícil fiscalização. Além de Oriximiná, Breves e Bragança também tem sido palco de ações de aliciamento de pessoas. 
Houve ênfase à impunidade que ainda protege criminosos. 

Carlos Bordalo destacou o nome de Ronildo Borges, o Batata. Acusado de aliciamento de crianças e adolescentes para um esquema envolvendo escolinhas de futebol em Marabá para o sudeste do país, Batata está foragido. Em Bragança, o comando do aliciamento de pessoas é feito por um traficante conhecido por ‘Pororoca’. O detalhe é que ‘Pororoca’ comanda as ações detrás das grades, e é um dos poucos que estão presos.

“Precisamos de mais respostas do poder público em relação aos casos levantados”, disse a coordenadora do Centro de Defesa da Criança e do Adolescente (Cedeca) -Emaús, Celina Hamoy. “Se as rotas são conhecidas, se sabemos quem são as pessoas, onde funcionam os pontos de exploração, por que não conseguimos acabar com isso?”, questionou.

O tráfico de pessoas movimenta mais de 30 bilhões de dólares no mundo inteiro. O Brasil está entre os dez países que encabeçam a lista do tráfico de pessoas. O país contabilizou aproximadamente 1.500 vítimas nos últimos seis anos, sendo que 70% dos casos são de exploração sexual. Pará, São Paulo, Pernambuco, Paraíba e Rio de Janeiro são os principais estados das 520 rotas de atuação das redes criminosas no Brasil.

No Pará há peculiaridades diferentes. Em relação aos homens, o aliciamento é para o trabalho escravo no campo e a exploração no garimpo. Entre as mulheres, o sexo é a principal causa. Já entre as crianças, há o trabalho escravo e a prostituição. A audiência teve participação de deputados federais ligados à CPI que investiga o tráfico de pessoas no Brasil, entre os anos de 2003 a 2011. O Pará registrou 13 casos em 2011; em 2012 foram 12; e 18 este ano.
(Diário do Pará)

Campanha para atualizar caderneta de vacinação termina hoje

O público nessa faixa etária é estimado em 14,4 milhões de crianças.
A campanha nacional para atualização da caderneta de vacinação infantil termina hoje sexta-feira (30). 
 Os pais devem levar as crianças menores de cinco anos aos postos de saúde com a caderneta para a que elas sejam avaliadas e o esquema de imunização atualizado. O público nessa faixa etária é estimado em 14,4 milhões de crianças.

Na campanha, são oferecidas todas as vacinas do calendário básico infantil: BCG, hepatite B, penta, inativada poliomielite (VIP), oral poliomielite (VOP), rotavírus, pneumocócica 10-valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) e DTP (difteria, tétano e coqueluche). As vacinas oferecidas são as mesmas da rotina.

Desde o último sábado (24), está disponível o aplicativo Vacinação em Dia para tablets e smartphones. A ferramenta é uma forma de acompanhar o calendário de vacina de crianças e adultos. No aplicativo, ficam disponíveis todas as vacinas oferecidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e o usuário poderá cadastrar até dez carteiras de vacinação.

As crianças com mais de 6 meses e menos de 5 anos que moram nas regiões Norte e Nordeste e em municípios prioritários do Plano Brasil sem Miséria poderão também receber suplementação de vitamina A. O complemento contribui para reduzir o risco de morte por diarreia e ajuda no desenvolvimento da criança. Agência Brasil




Famílias da Vigia, afetadas por temporal, recebem doação de telhas.

A Prefeitura de Santarém, através da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil, realizou ontem quinta-feira, 29, a entrega de 687 telhas para auxiliar as 16 famílias do bairro da Vigia, prejudicadas por conta do temporal na madrugada do inicio da semana. 
O reservatório do microssistema da área também foi trocado. De acordo com a COMDEC, uma família já está inscrita para receber o aluguel social pelo período de dois meses, tempo informado pelos moradores para a reconstrução da residência, e um morador está cadastrado para receber o auxílio cheque-moradia. 
Hoje, sexta-feira, 30, a Defesa Civil providenciará a entrega das madeiras.
CCOM/PMS

Vergonha II: Deputados favoráveis a Donadon evitam confessar

Sessão com voto secreto favoreceu parlamentar condenado por peculato e formação de quadrilha.
Apesar de terem sido registrados no painel eletrônico 131 votos contrários à cassação de Natan Donadon, além de 41 abstenções e de 108 deputados ausentes, sendo quatro em obstrução, encontrar alguém que admita ter votado a favor do deputado-presidiário foi tarefa praticamente impossível nesta quinta-feira, mesmo entre os parlamentares mais próximos a ele.

Nem mesmo os deputados que se emocionaram com o discurso emocional de Donadon em plenário assumiram o voto a favor do colega. Vista por um correligionário “aos prantos” durante o longo discurso de Donadon, a deputada Sueli Vidigal (PDT-ES) admitiu que se comoveu, mas negou “peremptoriamente” ter chorado, e ainda garantiu que votou pela perda do mandato.

"Nem conhecia esse moço. Eu o vi pela primeira vez ontem (anteontem). Nunca dei bom dia a ele. Eu nego peremptoriamente que estivesse aos prantos. Foi um discurso comovente, todo mundo se compadeceu da família, que estava lá, mas não houve isso de eu estar aos prantos. E uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Eu votei pela cassação, com certeza", disse Sueli.
 
No plenário, enquanto aguardava o resultado da votação, Donadon foi encorajado por colegas, que já anteviam o resultado da votação. Integrante do Conselho de Ética, o deputado Marcos Rogério (PDT-RO) assegurou a ele que não haveria os 257 votos necessários para a cassação de mandato. As ausências, abstenções e obstruções contribuíram para salvá-lo.

"Não vai ter 257, vai ter muita abstenção. Você fez um estrago (com o discurso). Sueli Vidigal estava aos prantos ali atrás. Você conseguiu tocar todo mundo",  disse Marcos Rogério a Donadon, anteontem. Apesar do conforto dado ao companheiro do mesmo estado, Marcos Rogério também garantiu ontem que votou pela cassação.

"Em nenhum momento eu prometi ajudá-lo", disse Marcos Rogério, confirmando que Sueli Vidigal estava chorando em plenário. Citado no discurso de defesa de Donadon como “um amigo” e um dos que fez companhia a ele na sessão, Nilton Capixaba (PTB-RO) também assegurou ter votado a favor da perda de mandato: "É meu amigo, mas cada caso é um caso. Somos do mesmo estado, mas nunca fomos do mesmo grupo político. Ele vem me cumprimentar e não tem como não cumprimentá-lo", disse.

No plenário, Donadon ficou rodeado por deputados do chamado baixo clero que, de tão inexpressivos, não conseguiam ser identificados nem pelos seguranças da Câmara. Mesmo com declarações e discursos a favor da cassação, os deputados evitaram registrar o voto nas mesas que ficam no fundo e nas laterais do plenário, temendo ser flagrados pela imprensa.
Na quinta, deputados diziam em seus discursos que exigiriam da Mesa da Câmara a quebra do sigilo de seus votos, para aumentar a transparência.

"Estou pedindo à Mesa a quebra de sigilo do meu voto e acho que todos os deputados deveriam fazer a mesma coisa, porque nós devemos satisfação à sociedade brasileira, que ficou com vergonha desta Casa", disse Simplício Araújo (PPS-MA).
Fonte: O Globo
 


MENSAGEM DO DIA

                                                                         Errar                                      
                                                         pode significar aprender.
                                                           Ensina a experiência
                                              que não há melhor guia para o êxito
                                                           que as lições tiradas
                                                             dos próprios erros.
                                                   Quem nunca errou certamente
                                                         nunca fez coisa alguma.
                                                                    Com isso,
                                                    não pretende incentivar o erro,
                                                       mas simplesmente dizer
                                                             que vale a pena
                                                             ter compreensão
                                                        com os próprios erros
                                              e saber tirar deles uma lição de vida.
                                                                Pense nisso!
                                                     Bom dia extensivo à família.

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Previsão de céu nublado e chuva no norte do Brasil nesta sexta-feira

O TEMPO E A TEMPERATURA:
Sexta-feira de céu nublado com pancadas de chuva no norte do Amazonas, norte e centro-oeste do Pará e em Roraima. 

Pode chover no centro-norte de Tocantins. Vai chover a tarde no norte do Pará e no Amapá. Nas demais áreas da região Norte, o fim de semana vai ser de céu com muito sol e sem previsão de chuva.  

A temperatura fica estável com mínima de 13 e máxima de 38 graus. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia e do Climatempo. 

Mais de 400 Agentes Comunitários de Saúde receberão Kits de trabalho

Nesta sexta-feira, 30, a partir das 9h, no auditório da Casa de Cultura, a Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA) realiza a entrega de Kits que darão suporte ao trabalho de campo dos 450 Agentes Comunitários de Saúde (ACS’s) de Santarém. 
Os materiais fazem parte do processo de formação continuada desenvolvido pela SEMSA, voltado tanto aos ACSs que já atuavam no município, quanto aos 150 concursados que passaram a integrar a rede pública de saúde municipal em agosto deste ano. 

Na oportunidade, o Centro de Referência do Trabalhador do Baixo Amazonas (CEREST) fará a distribuição da cartilha “O Agente Comunitário de Saúde e o Cuidado à Saúde dos Trabalhadores em suas Práticas Cotidianas”. 
O material orienta os profissionais, quanto às boas práticas de desenvolvimento das atividades em suas respectivas áreas de atuação. 
 CCOM/PREFEITURA DE SANTARÉM

Senado torna crime violências contra a mulher

O Senado aprovou nesta quinta-feira, 29, por unanimidade, quatro projetos sugeridos pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Violência contra a Mulher, entre eles o que classifica a violência doméstica como crime de tortura. 
A mesma proposta estabelece que também estará incurso no mesmo crime quem, em qualquer relação familiar ou afetiva, independente de coabitação, submete alguém à situação de violência ou grave ameaça, a intenso sofrimento físico ou mental como forma de exercer domínio.

Todos os projetos foram apresentados à presidente Dilma Rousseff na última terça-feira, 24, durante cerimônia em que lhe foi entregue a conclusão do relatório da CPI da Violência contra a Mulher.

Além da classificação da violência contra a mulher como crime de tortura, o Senado aprovou o atendimento especializado no Sistema Único de Saúde (SUS) às mulheres vítimas de violência, a garantia de benefício temporário da Previdência a elas e a exigência de rapidez na análise do pedido de prisão preventiva para os agressores.

Os projetos aprovados pelo Senado seguem agora para o exame da Câmara dos Deputados. A CPI da Violência contra a Mulher realizou seu trabalho durante um ano e seis meses e verificou que a ausência do Estado é um dos fatores que causam a violência doméstica.

Outros três projetos relativos à segurança da mulher foram encaminhados à Comissão de Constituição e Justiça. Entre eles, o que estabelece o feminicídio (matar a mulher) como agravante de homicídio; o que cria o Fundo Nacional de Enfrentamento à Violência Contra as Mulheres e o que destina parte dos recursos do Fundo Penitenciário Nacional à manutenção de casas de abrigo que acolham vítimas de violência doméstica. (Agência Brasil)

Partidos vão ao STF pedir para anular sessão que manteve Donadon

PSDB e PPS alegam que perda de mandato deveria ocorrer sem votação.
Deputado preso não perdeu mandato por falta de votos favoráveis.

O PSDB e o PPS anunciaram nesta quinta-feira (29) que vão protocolar no Supremo Tribunal Federal (STF) mandado de segurança solicitando a anulação da sessão do plenário de quarta-feira que definiu manutenção do mandato do deputado preso Natan Donadon (sem partido-RO). O deputado não teve o mandato cassado porque faltaram 24 dos 257 votos necessários para a perda do cargo.

Os dois partidos alegam que a sessão deve ser anulada por considerarem que a condenação de Donadon a 13 anos de prisão por formação de quadrilha e peculato (crime praticado por funcionário público contra a administração pública) já pressupõe a perda de mandato, sem a necessidade de votação de deputados. A posição já era definida pelo PSDB quando a cassação do deputado estava em discussão na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara (CCJ).

“O PSDB já tinha externado a sua posição na CCJ, já tinha deixado claro a sua posição pela cassação. [...] Condenação à prisão com perda dos direitos políticos esta Casa não tem que votar. Esta Casa tem que declarar a perda do mandato. Não teria que termos tido, na noite de ontem, a votação que tivemos”, disse o líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP).
Donadon foi o primeiro deputado em exercício a ser preso por determinação do Supremo desde a Constituição de 1988. 

Ao contrário do que ocorreu no processo do mensalão, os ministros do STF não haviam discutido se deveria ser automática a cassação do parlamentar de Rondônia após o trânsito em julgado. Na ação penal do mensalão, entretanto, os magistrados decidiram pelas cassações dos mandatos dos quatro parlamentares condenados.

Para o presidente nacional do PPS, deputado federal Roberto Freire (SP), a Mesa Diretora da Câmara deveria haver declarado a perda do mandato de Donadon sem enviar pedido de análise para a CCJ. “O STF decidiu que Donadon estava com os direitos políticos suspensos, e uma pessoa sem direitos políticos não pode exercer mandato parlamentar”, disse Freire, segundo a sua assessoria.

Mesmo sem o plenário decidir pela cassação do mandato de Donadon, o presidente da Casa, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) determinou o afastamento do parlamentar e convocou o seu suplente, Amir Lando (PMDB-RO), que tomou posse nesta quinta.

DEM obstrui votações
Já o presidente do Democratas, senador José Agripino (RN), anunciou que o partido vai obstruir todas as votações na Câmara até que seja aprovada a proposta de emenda à Constituição que acaba com o voto secreto nas sessões de cassação e mandato. Em junho, a CCJ da Câmara aprovou PEC que institui o voto aberto nessas votações, mas a matéria ainda não passou pelo plenário.


“A Câmara dos Deputados, como instituição, prestou um desserviço ao Congresso Nacional. Por isso meu partido já decidiu: só votamos qualquer coisa na hora em que se votar a PEC do fim do voto secreto”, afirmou Agripino. (G1 Política)

STF rejeita recursos de Dirceu e pena é mantida

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) negou recurso e manteve a pena do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, condenado a dez anos e dez meses de prisão, pelos crimes de corrupção ativa e formação de quadrilha, na Ação Penal 470, o processo do mensalão.

No recurso apresentado ao STF, a defesa de Dirceu pediu a redução da pena, a publicação de trechos do julgamento omitidos no acórdão, com detalhes das decisões dos ministros; e reivindicou um novo relator para o embargo de declaração protocolado.

Todos os recursos foram rejeitados pelo relator da ação, Joaquim Barbosa. Ele entendeu que não houve omissões no acórdão, o texto final do julgamento, e negou os argumentos da defesa para diminuir a pena-base das condenações. Segundo Barbosa, “a reprovabilidade da conduta de Dirceu era mais elevada devido à posição de liderança”.

A defesa também argumentou que Dirceu deveria ter sido condenado conforme uma lei mais branda que trata do crime de corrupção. O réu mencionou a Lei 10.763, que entrou em vigor no dia 12 de novembro de 2003, e aumentou a pena para o crime de corrupção de um a oito anos para dois a 12 anos de prisão.

Dirceu informou que no acórdão está registrado que o ex-presidente do PTB José Carlos Martinez morreu em dezembro de 2003, quando, na verdade, ele morreu em outubro de 2003. Desta forma, a defesa queria a revisão da condenação pelo crime de corrupção, por entender que ocorreu antes da vigência da Lei 10.763, com penas mais brandas.

Os ministros entendem que a corrupção ocorre quando o acordo é fechado e Martinez participou das reuniões com dirigentes do PT e dos outros partidos para combinar o recebimento de dinheiro, fato que ocorreu antes da lei. Porém, segundo Barbosa, a “data do falecimento de Martinez não foi o momento de consumação do crime de corrupção ativa”. A questão foi decidida no recurso de Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT.

O voto do relator foi seguido por Luís Roberto Barroso, Teori Zavascki, Rosa Weber, Luiz Fux, Gilmar Mendes, Cármen Lúcia e Celso de Mello. Os contrários foram dos ministros Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Marco Aurélio, que votaram para diminuir a pena-base definida no crime de formação de quadrilha, por entenderem que os agravantes foram calculados duas vezes.
(Agência Brasil)

Moradores da Vigia, afetados por temporal, receberão suporte da Prefeitura

O prefeito Alexandre Von e o coordenador municipal de Defesa Civil, Darlison Maia, estiveram na manhã de hoje, quinta-feira, 29, no bairro da Vigia, onde 16 famílias tiveram os telhados de suas casas danificados,  inclusive com perda total na maior parte delas. 
O prefeito visitou as residências e autorizou a aquisição de material – madeira e telhas – para ser distribuído às famílias mais afetadas, por conta dos fortes ventos. 

A Secretaria Municipal de Agricultura e Incentivo à Produção Familiar (SEMAP) também vai proceder a recuperação do reservatório de água do microssistema do bairro, que também sofreu avarias. Equipes da Prefeitura estão atuando em várias frentes de trabalho, em locais diferentes da cidade, no sentido de reparar os danos causados com as chuvas da última noite.
CCOM/PMS

Salário mínimo previsto para 2014 será de R$ 722,90

Belchior entregou Projeto de Lei Orçamentária a Renan Calheiros.
O novo valor do salário mínimo deverá ser R$ 722,90, segundo anúncio feito pela ministra do Planejamento, Miriam Belchior. 

Ela esteve no Congresso para entregar ao presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), a peça orçamentária de 2014. 
O texto deve ser votado pela Câmara e pelo Senado até o fim do ano. O reajuste passa a valer em 1º de janeiro de 2014.

"O novo valor incorpora a regra de valorização do salário mínimo que tem sido uma política importante de alavancagem da renda das famílias no Brasil, que tem nos levado a patamares de qualidade de vida muito superiores", disse Belchior.Apesar do aumento, o salário mínimo do ano que vem deve ter o segundo menor reajuste real em 12 anos de gestão do PT no Palácio do Planalto. 

Isso vai ocorrer por conta da mesma Política de Valorização do Salário Mínimo, que rendeu nos últimos anos polpudos aumentos no salário mínimo. Por esse instrumento, o salário é reajustado de acordo com a inflação do ano anterior, e tem como aumento real o PIB de dois anos antes. 

No caso de 2014, portanto, o salário mínimo será reajustado pelo INPC de 2013, e o aumento real será equivalente ao PIB de 2012, que foi de apenas 0,9%. O reajuste só não será menor do que o de 2011 - naquele ano, o aumento real seguiu o PIB de 2009, quando o Brasil sofreu as consequências da crise econômica mundial. O governo concedeu, então, um reajuste real de 0,4%.

Segundo a Agência Senado, a proposta para a Lei Orçamentária Anual de 2014 será examinada inicialmente pela Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO), presidida pelo senador Lobão Filho (PMDB-MA). O relator da Ploa é o deputado federal Miguel Corrêa (PT-MG). 
Estadão.com.br


Concurso: Prefeitura de Curuá inscreve até segunda-feira

Terminam na próxima segunda-feira (02.09) as inscrições pra o concurso público da prefeitura de Curuá, na região do Baixo Tocantis, no oeste paraense, que oferece 392 vagas para preenchimento do quadro pessoal efetivo em diferentes áreas.

As inscrições são realizadas somente pela internet, na sessão de concursos do site da Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (Fadesp). A taxa de inscrição custa R$ 40 para cargos de nível alfabetizado, R$ 45 para nível fundamental completo, R$ 50 para cargos de nível médio e R$ 60 para nível superior, e pode ser paga, através de boleto bancário, até o dia 3 de setembro.

O Concurso contará com uma prova objetiva, prevista para o dia 15 de setembro, em Curuá, e de uma avaliação de títulos, exclusiva para o cargo de professores.
Outras informações pelo telefone (91) 4005 7446.
(DOL)

Prefeitura e Caixa discutem a execução de contratos em vigência

O prefeito Alexandre Von participou de reunião na noite de ontem, quarta-feira, 28, na Unidade da Gerência de Desenvolvimento Urbano e Regional da Caixa Econômica Federal em Santarém, com a participação do gerente nacional Norte/Centro-Oeste de Desenvolvimento Urbano, Mário Augusto Pereira Jr. 

Na ocasião foram discutidos os contratos em andamento no município, com destaque para as unidades habitacionais do Programa Minha Casa, Minha Vida. 

A Superintendência da CEF informou que entregará no próximo dia 24 de setembro, a sua terceira agência, que funcionará na Avenida Marechal Rondon, esquina com a Travessa Turiano Meira, no bairro Santa Clara.
CCOM/PMS

Brasil tem mais de 200 milhões de habitantes, diz IBGE

Os dados foram publicados hoje quinta feira (29) no Diário Oficial da União.
A população estimada do Brasil é 201.032.714 habitantes, pelos dados mais recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), referentes a junho deste ano.

De acordo com o levantamento, há 7.085.828 habitantes a mais do que o registrado em julho de 2012. Os dados foram publicados hoje (29) no Diário Oficial da União.

São Paulo é o estado mais populoso com 43,6 milhões de habitantes, seguido por Minas Gerais com 20,5 milhões de residentes e Rio de Janeiro com 16,3 milhões de pessoas que declaram moradoras da região.

A Bahia registra 15 milhões de habitantes, o Rio Grande do Sul 11,1 milhões e o Paraná, 10,9 milhões de residentes. Em seguida aparecem Pernambuco com 9,21 milhões de habitantes, Ceará com 8,78 milhões, Pará com 7,97 milhões, Maranhão com 6,79 milhões, Santa Catarina com 6,63 milhões e Goiás com 6,43 milhões.Com menos de cinco milhões de habitantes, estão Paraíba (3,91 milhões), Espírito Santo (3,84 milhões), 

Amazonas (3,81 milhões), Rio Grande do Norte (3,37 milhões), Alagoas (3,3 milhões), Piauí (3,18 milhões), Mato Grosso (3,18 milhões), Distrito Federal (2,79 milhões), Mato Grosso do Sul (2,59 milhões), Sergipe (2,19 milhões), Rondônia (1,73 milhão) e Tocantins (1,48 milhão).

A região Norte, tem três estados com menos de 1 milhão de habitantes. Roraima é o menos populoso, com 488 mil habitantes. O Acre tem 776,5 mil habitantes e o Amapá, 735 mil. (Agência Brasil)