Coluna 1

segunda-feira, 30 de março de 2015

Comércio já gerou mais de dois mil empregos no Pará

Quem tentou entrar no mercado de trabalho no mês de fevereiro e nos últimos 12 meses e escolheu o setor comércio para isso, encontrou mais oportunidades. É o que aponta recente pesquisa divulgada pelo Dieese (Departamento de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos).

O bom desempenho foi registrado tanto no mês de fevereiro, como nos útimos 12 meses. No mês de fevereiro o saldo entre admitidos e desligados foi de 0,70%, resultado de 8.123 contratações e 6.637 desligamentos. Isso representou 1.486 novos postos de trabalho.

No mesmo período do ano passado o crescimento no setor foi maior. Ao todo foram 8.117 admissões contra 6.518 desligamentos, num saldo de 1.599 postos.

O bom desempenho aconteceu tanto no setor varejista, como atacadista. No primeiro houve 6.719 admissões, contra 5.625 desligamentos, gerando um saldo positivo de 1.094 postos e; crescimento de 0,62%. No segundo foram 1.404 admissões, contra 1.012 desligamentos com saldo positivo de 392 postos e um crescimento de 1,13%.

A maioria dos Estados do Norte teve o mesmo resultado, sendo que o Pará com a melhor atuação, com saldo de 1.486 postos de trabalho. Em seguida vem o Tocantins com mais 217. 

No mesmo período Amazonas foi o que mais perdeu postos, menos 501; Seguido do Amapá, com saldo negativo de 383 postos e; o Acre, com menos 247. No total, no Norte, foram feitas 20.513 admissões contra 19.991 desligamentos, gerando um saldo positivo de 522 postos de trabalho, com crescimento de 0,10%.

12 meses- O levantamento também mostrou bom desempenho no setor nos últimos 12 meses. O saldo positivo foi de 0,87%. No período analisado, foram feitas 100.339 admissões, contra 98.502 desligamentos, gerando um saldo positivo de 1.837 postos.
Na análise setorizada, tanto setor varejista, quanto o atacadista apresentaram saldos positivos de empregos formais. 

No primeiro houve 83.991 admissões, contra 83.125 desligamentos, gerando um saldo positivo de 866 postos, com crescimento de 0,49%. 
Também no mesmo período, o setor atacadista em todo o Pará teve 16.348 admissões, contra 15.377 desligamentos, gerando um saldo positivo de 971 postos, com crescimento de 2,85%.

No Norte também houve crescimento. O Amazonas teve o melhor saldo, com 2.541 postos, seguido do Pará, com 1.837; Roraima, com 1.701 e; Rondônia, 1.028 postos. Nos últimos 12 meses foram feitas, em todo Norte, 274.148 admissões, contra 265.673 desligamentos. A comparação gerou 8.475 postos, com crescimento de 1,69%. (ORM News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário