sábado, 26 de setembro de 2015

Após greve, INSS no Pará vai reabrir na segunda-feira

Acabou a greve dos funcionários da Previdência Social no Estado. Em assembleia geral em frente à Gerência Executiva do Instituto Nacional da Seguridade Social em Belém, na avenida Nazaré, a categoria decidiu suspender o movimento grevista iniciado em 7 de julho e retornar ao trabalho na segunda-feira, dia 28. 

Os servidores encaminharam ofício à Gerência Executiva solicitando uma reunião às 16 horas de segunda para tratar o atendimento à demanda reprimida dos usuários nos 78 dias, como informou ontem o diretor do sindicato da categoria no Estado (Sintprevs), Raymundo Trindade.

Como informou Trindade, “a decisão segue o indicativo da Federação Nacional dos sindicatos que envolvem esses trabalhadores (Fenasps)”. A Federação deu indicativo para deliberação, nos estados, sobre os rumos da greve após reuniões ocorridas com o Governo Federal nos últimos dias e as plenárias da Federação realizadas, em Brasília, com representantes de servidores de 17 estados brasileiros. Nesta segunda-feira, a procura pelos serviços nos postos do INSS deverá ser intensa no Estado e em todo o País.

O Governo Federal e servidores ainda irão definir se haverá plantão para repor o tempo parado na greve. Os servidores aceitaram a proposta de 10,8% de reajuste salarial, do Governo Federal, com uma parte sendo paga em agosto de 2016 e outra em janeiro de 2017. Os servidores no Pará informaram que estão atentos às reivindicações de concurso público; fim de assédio moral; contra as terceirizações; isonomia salarial e paridade entre ativos e aposentados. (O Liberal)

Nenhum comentário:

Postar um comentário