quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Veja os 39 nomes já definidos para a comissão de impeachment

Por 272 a 199, a chapa de oposição foi a vencedora em eleição de deputados que integrarão a Comissão Especial de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff na Câmara dos Deputados. A chapa formada por deputados da oposição e dissidentes da base aliada serão os responsáveis por analisar o processo de cassação e elaborar um parecer contra ou a favor da abertura do procedimento. 

Este é o início do terceiro de cinco passos básicos para a instauração do processo de cassação de um presidente da República, que será votado em seguida pelo plenário.
Como a chapa ainda não tem a quantidade de membros necessária para formar a comissão, de 65 deputados, os líderes dos partidos devem indicar os membros que faltam. As escolhas serão, então, referendadas pelo Plenário em uma votação suplementar marcada para amanhã (9).

Veja os confirmados:
Deputado // Partido // UF
Carlos Marum // PMDB // MS
Flaviano Melo // PMDB // AC
Lelo Coimbra // PMDB // ES
Lúcio Vieira lima // PMDB // BA
Manoel Junior // PMDB // PB
Mauro Mariani // PMDB // SC
Osmar Serraglio // PMDB // PR
Osmar Terra // PMDB // RS
Bruno Covas // PSDB // SP
Carlos Sampaio // PSDB // SP
Nilson Leitão // PSDB // MT
Paulo Abi-Ackel // PSDB // MG
Rossini // PSDB // PR
Shéridan // PSDB // RR
Jair Bolsonaro // PP // RJ
Jerônimo Goergen // PP // RS
Luiz Carlos Heinze // PP // RS
Odelmo Leão // PP // MG
Bebeto // PSB // BA
Danilo Forte // PSB // CE
Fernando Coelho Filho // PSB // PE
Tadeu Alencar // PSB // PE
Delegado Éder Mauro // PSD // PA
Evandro Roman // PSD // PR
João Rodrigues // PSD // SC
Sóstenes Cavalcante // PSD // RJ
Benito Gama // PTB // BA
Ronaldo Nogueira // PTB // RS
Sérgio Moraes // PTB // RS
Mendonça Filho // DEM // PE
Rodrigo Maia // DEM // RJ
Eduardo Bolsonaro // PSC // SP
Marco Feliciano // PSC // SP
Fernando Francischini // SD // PR
Paulo Pereira da Silva // SD // SP
André Fufuca // PEN // MA
Kaio Maniçoba // PHS // PE
Major Olímpio // PMB // SP
Alex Manente // PPS // SP
Exame.com/msn

Nenhum comentário:

Postar um comentário