terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Presídios receberão equipamentos para reforço nas ações de revista

 O trabalho de revistas realizadas nas casas penais de todo o Estado vai ganhar um reforço importante. A Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará contará com novos equipamentos de inspeção eletrônica entregues pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen). São dois aparelhos de raio-x, doze pórticos detectores de metal, 101 detectores de metais manuais (chamados de raquete) e 43 banquetas para inspeção íntima.

O repasse dos equipamentos vem sendo feito em todo o país com o objetivo aumentar o nível de segurança nas unidades prisionais brasileiras, coibindo a entrada de itens como armas, drogas e telefones celulares, e humanizar os procedimentos de revista. Somente no Pará, o investimento do Depen foi de mais de 340 mil reais em equipamentos.

“Quase 70% do orçamento do Depen é destinado a ações como essa, que visa apoiar os estados nas suas políticas penitenciárias. Acredito que com esses repasses conseguiremos dois objetivos muito importantes: garantir uma revista mais eficiente e eficaz, com o emprego da tecnologia, e tornar esses procedimentos de inspeção mais humanizados”, ressalta o diretor executivo do Depen, Rodrigo Romeiro.

A expectativa é de que os aparelhos cheguem ao Estado já no próximo mês e sejam distribuídos de imediato para unidades penitenciárias da Região Metropolitana de Belém. Além da doação, também serão ofertados cursos de operação e procedimentos de revista para os agentes prisionais que irão manejar os equipamentos, coordenados pela Escola de Serviços Penais (Espen).

Para o superintendente da Susipe, coronel André Cunha, a tecnologia vai aprimorar os procedimentos e melhorar os resultados. “Os equipamentos que receberemos serão de extrema importância na melhoria do controle de acesso das unidades prisionais, uma vez que esses aparelhos representam um incremento tecnológico no serviço de fiscalização de tudo que entra nos presídios, sejam pessoas, veículos ou materiais. Será mais um avanço para o sistema penitenciário do Pará.”

Outros investimentos - Em 2015, o Depen e a Susipe também assinaram convênio para aparelhamento de dez unidades básicas de saúde que devem ser instaladas em casas penais da capital e do interior do Estado. Essa medida irá beneficiar cerca de três mil internos custodiados pela Superintendência, garantindo maior número de atendimentos em saúde, além de favorecer a instrumentalização da equipe de profissionais da área.

Outro projeto estabelecido entre o Depen e a Susipe é a implementação de oficinas permanentes para a capacitação profissional de pessoas privadas de liberdade, nas áreas de corte e costura industrial, marcenaria e manutenção de equipamentos de informática.
Timoteo Lopes - Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará
Agência Pará de Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário