sexta-feira, 22 de abril de 2016

Mais de 2500 PMs devem ser promovidos pelo Governo do Pará em 2016

No Dia de Tiradentes, ocorrido ontem, patrono da Polícia Militar, e no ano em que a PM comemora 198 anos de existência, o Governo do Pará anuncia que mais de 2.500 policiais devem ser promovidos. A promoção faz parte da política de valorização do servidor estabelecida pelo Estado. No ano passado, quase 5000 policiais foram contemplados com a progressão. Além deste benefício, também está previsto para o mês de maio o lançamento do edital do concurso público para o preenchimento de 2000 vagas para praças, 160 para oficiais combatentes e 30 para a área da saúde.

"Atualmente temos 15.500 policiais militares distribuídos em 277 localidades do Pará, isso inclui os municípios, as vilas e os distritos. Com a realização deste concurso, passaremos a contar com um efetivo de 17.500", informa o comandante geral da Polícia Militar, coronel Roberto Campos.

A corporação também vem investindo na formação desses servidores. Pois um policial bem capacitado e bem treinado tem melhores condições de prestar um serviço de qualidade ao cidadão. No ano passado, por exemplo, mais de 3.000 militares participaram de algum tipo de qualificação e/ou treinamento, seja no próprio estado ou fora dele.

Coronel Campos destaca um dos mais importantes treinamentos feito pela equipe da polícia no ano de 2015: o curso de operações rurais, no estado do Mato Grosso. Com o objetivo de treinar a polícia para agir em caso de roubos a banco no interior do estado, oito praças e um oficial participaram da formação.

"Os resultados destes investimentos já estão aparecendo. Recentemente, a PM conseguiu dar uma resposta rápida ao assalto a um banco em Moju. Em Rurópolis, homens da polícia militar estão fechando o cerco aos quatro assaltantes que ainda faltam ser capturados por roubo a um banco também", pontua.

O comandante geral da PM destaca, ainda, que investimentos na logística também são importantes e constantes. De 2011 a 2014, o Sistema de Segurança Pública passou a ter sete helicópteros, três aviões, além de lanchas, carros e armamentos modernos.
Patrono

Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, foi escolhido como patrono das Polícias Militar e Civil por ter dado a vida em defesa da sociedade brasileira. Conhecido como o Pai da Inconfidência Mineira (um dos mais importantes movimentos sociais do Brasil), simboliza a luta do povo brasileiro pela liberdade contra a opressão do governo português.

Tiradentes levantava a bandeira da liberdade e lutou para isso, inclusive perdendo a vida por esta ideologia. "A PM também prega essa ideia de um país livre de crimes, de insegurança. E, se preciso, dá a vida pela liberdade do outro", salienta o coronel Campos.
Bianca Teixeira - Secretaria de Estado de Comunicação
Agência Pará de Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário