terça-feira, 5 de abril de 2016

Presidente da CBF diz que seleção 'não está bem', mas vê vento 'só contra o Brasil'

Ontem segunda-feira (04), o presidente em exercício da CBF, o paraense coronel Antonio Carlos Nunes, participou da posse da nova diretoria da Federação Nacional de Atletas Profissionais de Futebol (Fenapaf) em Natal, capital do Rio Grande do Norte. Antes da reunião desta terça feira (05) com a comissão técnica da seleção brasileira, o dirigente já afirmou que não está gostando das atuações do time de Dunga. "Todos nós, como torcedores, achamos assim: 'Ih, não estamos gostando'. Porque eles querem ganhar, ganhar, ganhar, ninguém quer perder. Às vezes tem empate, mas o cara diz: 'Não, não serve'", comentou coronel Nunes.

 "Eu vejo o seguinte: foi começado um projeto deste o ano passado para a classificação nas eliminatórias da Copa do Mundo de 2018 e agora a nossa Olimpíada. E vem um terceiro, que é o prolongamento da seleção principal, que é a Copa América Centenário nos Estados Unidos. E tem a (seleção) olímpica, sub-23, também trabalhando".

"Tem um trabalho muito grande, e temos que ver os resultados. Nós vemos que o Brasil está lutando pela classificação, não está bem, mas a gente espera que melhore. Não é possível que o vento fique só contra o Brasil numa situação", afirmou.

O Brasil ocupa a sexta colocação das eliminatórias sul-americanas ao Mundial da Rússia após seis rodadas e estaria fora pela primeira vez do torneio. Pelo classificatório, a seleção pentacampeã volta a jogar apenas no final de agosto, quando visita o Equador, e no começo de setembro recebe a Colômbia.
(ESPN.com.br)

Nenhum comentário:

Postar um comentário