terça-feira, 12 de julho de 2016

Frutas subiram até 25% nos primeiros seis meses do ano

Uma pesquisa realizada pelo Dieese-Pa (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) em feiras livres e supermercados da Grande Belém revelou que os preços das frutas vendidas na capital paraense ficaram acima da inflação de 10% para os primeiros seis meses do ano. O estudo foi divulgado na manhã desta terça-feira (12). De acordo com o estudo realizado pelo Dieese, as frutas que mais subiram em seis meses foram a tangerina (kg) com alta de 25,20%, seguida da banana prata (kg) com alta de 23,44%; abacaxi com alta de 12,33%, e a goiaba branca (kg) com alta de 9,67%. A goiaba vermelha (kg) e a laranja (kg) também tiveram alta de 5,67% e 4,57%, respectivamente. 

O aumento no preço dessas frutas ficou bem acima da inflação de 10% estimada para o período. Só para se ter uma ideia, no mês passado, algumas frutas voltaram a subir, com destaque para a laranja (kg) com alta de 4,57%, seguida da goiaba branca (kg) com alta de 3,47%; goiaba vermelha (kg) com alta de 1,36%, e melancia (kg) com alta de 1,00%. 
Ainda segundo o Dieese, a tendência é de alta nos preços das frutas em julho devido a fatores como transporte e importação das mesmas. (ORM News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário