segunda-feira, 18 de julho de 2016

Hortifrutis subiram acima da inflação em 6 meses no Pará

O preço das hortaliças, verduras e legumes comercializados em feiras, mercados e supermercados da Região Metropolitana de Belém no primeiro semestre do ano tiveram alta acima da inflação de 5,09% estimada para o período, segundo uma pesquisa do Dieese-PA (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) divulgada ontem domingo (17).  De acordo com os números do estudo, no primeiro semestre, os produtos que mais apresentaram alta nos preços foram a cebola (Kg) com alta de 52,93%, seguida da batata lavada (kg) com alta de 42,60%; batata doce rosa (kg) com alta de 30,33%; batata doce branca (kg) com alta de 22,38% e salsa (maço) com alta de 24,37%. 

Poucos produtos apresentaram quedas nos preços, as mais significativas foram tomate (Kg) com  recuo de 6,28%,  chicoria (maço) com recuo de 5,17%, seguida da couve (maço) com queda de 3,36% e do pepino (kg) com queda de 2,94%.

Somente no mês passado, os reajustes maiores foram verificados nos quilos da batata doce branca com alta de 16,30%, seguida da cebola (kg) com alta de 14,26%; batata lavada (kg) com alta de 11,35%; salsa (maço) com alta de 8,82%, e batata doce rosa (kg) com alta de 6,71%.  Ainda segundo o Dieese, a tendência é de alta nos preços em julho devido a fatores como transporte e importação das mesmas. (ORM News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário