terça-feira, 5 de julho de 2016

Remo perde para o Salgueiro na estreia de Waldemar Lemos

Quando um time troca de técnico, fica com motivação renovada, certo? Este foi o 'mito' do futebol que o Remo derrubou na noite de ontem segunda-feira (4), quando enfrentou o Salgueiro na estreia do comandante Waldemar Lemos e foi derrotado sem esboçar reação. A partida ocorreu no estádio Cornélio de Barros, em Salgueiro (PE), e foi válida pelo encerramento da sétima rodada da Série C do campeonato brasileiro.

 Saiba como foi a partida lance a lance pelo ORM News!
O único gol da partida foi marcado logo aos nove minutos, quando o lançamento na área encontrou Luiz Paulo. O centroavante ajeitou para Cássio, que encheu o pé esquerdo e mandou no canto de Fernando Henrique para fazer a festa do Carcará.

A derrota rebaixou o Remo em uma posição na tabela de classificação, deixando o quinto para assumir o sexto lugar, a três pontos do G4 e três da zona de rebaixamento. O Salgueiro, por sua vez, conseguiu entrar no grupo de classificação à segunda fase da competição.
Na próxima rodada, o Remo enfrentará o outro Leão: o Fortaleza. O duelo dos felinos está marcado para acontecer neste domingo (10), às 18h30, no Mangueirão, em Belém, com transmissão lance a lance pelo ORM News. O Caracará viaja a Teresina para pegar o River, às 16h do mesmo dia.

1º tempo: Remo apagado e gol do Salgueiro - Diante de um Remo desarrumado, o Salgueiro foi para o jogo e teve a primeira chance de marcar ainda aos oito minutos de jogo, quando uma bola espirrada pela defesa azulina sobrou para Rodolfo Potiguar mandar uma pancada de fora da área. A bola foi na trave e Fernando Henrique só observou.
Se não deu na primeira, a festa no Sertão aconteceu na segunda. Aos nove minutos, Marcos Tamandaré recebeu na direita e lançou o centroavante Luiz Paulo entre os zagueiros do Remo. 

O camisa 9 do Carcará dominou e ajeitou para Cássio, que apareceu livre de marcação, na entrada da área e chutou no cantinho de Fernando Henrique. Salgueiro 1 a 0!
O Remo só conseguiu fazer o goleiro Luciano sujar o uniforme aos 14 minutos, quando Wellington Saci foi acionado na intermediária e resolveu arriscar. Ele mandou no canto de Luciano, quue espalmou a que foi a única investida ofensiva de perigo do Remo no jogo inteiro.

Já o Salgueiro, em ritmo lento, continuava avançando. Aos 23, Piauí recebeu o cruzamento por trás da marcação de Fabiano e tentou encobrir Fernando Henrique, mas a bola tocou a rede por cima da trave remista. Dois minutos depois, Eduardo Ramos errou um passe no campo de defesa e entregou a jogada no pé de Cássio, que avançou, entrou na área e teve o chute travado por Fernando Henrique. A bola ainda bateu no travessão e foi afastada pela zaga azulina.

2º tempo: Remo perdido e Salgueiro conformado - O Remo até conseguiu mstrar um pouco mais de poder competitivo no meio-campo, mas nada que fosse capaz de mudar a história da partida. O treinador Waldemar Lemos tentou mais velocidade com as entradas de Edicleber e Magno, mas a falta de organização era latente e inibiu o efeito das trocas.

Enquanto isso, o Salgueiro administrava a partida e, sem tanta gana, chegava quando as brechas eram deixadas pela defensiva remista. A primeira aconteceu aos 12 minutos, quando Luiz Paulo dominou na intermediária e tocou para o meio. Fernando Henrique e Levy não se entenderam e a redonda sobrou para Cássio, que soltou uma bomba perto do gol.

Dez minutos depois, Cássio voltou a ter grande oportunidade. No lance, Tatu saiu pela ponta e rolou para o camisa 10 do Carcará, que entrou na área e chutou forte. A bola foi para a lateral do outro lado do campo.

Ficha técnica (Salgueiro 1 x 0 Remo)

Salgueiro - Luciano; Marcos Tamandaré, Ranieri, Rogério e Daniel; Rodolfo Potiguar, Moreilândia, Piauí (Maicon) e Cássio; Tatu (Jerferson Berger) e Luiz Paulo (Rafael Mineiro). Técnico: Evandro Guimarães
Remo - Fernando Henrique; Levy (Edicleber), Henrique, Max e Fabiano (Jussandro); Chicão, Yuri, Wellington Saci e Eduardo Ramos; Patrick (Magno) e Edno. Técnico: Waldemar Lemos
Gols: Cássio 9'/1ºT (Salgueiro)
Cartões amarelos: Tatu (Salgueiro); Fabiano (Remo)
Local: Cornélio de Barros (Salgueiro/PE)
Hora: 19h15
Árbitro: Leandro Newley Ferreira Belota (RJ)
Auxiliares: Jucimar dos Santos Dias (BA) e Paulo de Tarso Bregalda Gussen (BA)
ORM News

Nenhum comentário:

Postar um comentário