terça-feira, 23 de agosto de 2016

Simpósio Internacional do Açaí reunirá empresários e especialistas do setor produtivo

Item indispensável na mesa do paraense, o açaí alcançou novos mercados e caiu no gosto do consumidor nacional e internacional. A consequência disso é que hoje ele desponta como um importante elemento para a economia do estado, com uma produção que chega a 795 mil toneladas por ano. Para elevar esse potencial e ampliar a qualidade do açaí consumido e comercializado, a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Técnica e Tecnológica (Sectet) e a Universidade Federal do Pará (UFPA) promovem, de 25 a 27 de agosto, o II Simpósio Internacional da Cadeia Produtiva do Açaí, cujo tema este ano é Segurança Alimentar e Nutricional.

O evento tem por objetivo debater propostas teóricas e alternativas práticas para o desenvolvimento da cadeia produtiva do açaí. Empresários, gestores públicos e especialistas de diversos lugares do Brasil e do mundo debaterão questões como o melhoramento da produção, nichos de mercado e tecnologias aplicadas ao açaí e derivados. Busca-se, ainda, promover uma ampla discussão sobre o monitoramento das políticas públicas de segurança alimentar e nutricional na cadeia do açaí na América Latina, no Brasil e, em especial, no Pará.

O titular da Sectet, Alex Fiuza de Mello, e o secretário de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), Hildegardo Nunes, ministrarão a palestra intitulada “Políticas governamentais para a cadeia produtiva do açaí”. “A programação possibilitará a criação de um ambiente para trocas de experiências e o estabelecimento de novas parcerias entre os atores institucionais dos diferentes estados e países envolvidos”, acredita o secretário Alex Fiuza.  

Na área do empreendedorismo, um dos destaques da programação é a palestra do empresário francês Damien Binois, fundador e CEO da startup francesa "Nossa! Fruits", que comercializa, na Europa, produtos a base de frutas amazônicas, sem conservantes, aromatizantes e corantes artificiais.

O público terá a oportunidade, também, de acompanhar mesas redondas e palestras de pesquisadores nacionais e internacionais ligados a diferentes ciências, como Nutrição, Engenharia de Alimentos, Agronomia e Economia.

O II Sinteraçaí será realizado no Instituto de Ciências Jurídicas (ICJ/UFPA). Para mais informações, acesse: www.doity.com.br/sinter. O evento conta com o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Embrapa Amazônia Oriental, Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisa (Fapespa), Universidade Estadual Paulista (Unesp), Ministério das Comunicações, Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e Associação dos Vendedores Artesanal de Açaí de Belém (Avabel).

Serviço: II Simpósio Internacional da Cadeia Produtiva do Açaí. De 25 a 27 de agosto, no auditório do Instituto de Ciências Jurídicas da UFPA - Rua Augusto Corrêa, s/n, próximo ao terminal de ônibus (3° portão da UFPA) - Guamá. Inscrições: Estudante R$ 70,00 e profissionais R$ 150,00. Informações: (91) 3201-8861 / sinter_acai@yahoo.com.
Por Ana Carolina Pimenta - Agência Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário