sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Ex-jogador Jobson é solto após 69 dias de prisão no Pará

O ex-jogador paraense Jobson foi solto após ficar 69 dias preso em uma penitenciária em Marabá, sudeste do Estado. A liberdade provisória para o ex-atleta foi concedida pelo juiz da comarca de Colméia, interior do Tocantins. Jobson saiu da cadeia e voltou para o sítio onde vive com a família, em Couto Magalhães, também no Tocantins. O local é o mesmo onde teriam ocorrido os estupros pelos quais o ex-jogador do Botafogo é acusado. A decisão judicial estabelece que Jobson pague fiança de 25 salários mínimos, não consuma álcool e nem use drogas. Ele também está proibido de frequentar bares ou boates, além de não poder se ausentar da cidade em que mora sem autorização do juiz. Durante a semana ele deve ficar em casa no horário entre 19h e 6h da manhã. (ORM News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário