quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Trump surpreende e se torna presidente dos EUA

Donald Trump, um polêmico empresário sem experiência política, foi eleito na madrugada desta quarta-feira o novo presidente dos Estados Unidos e sucederá Barack Obama na Casa Branca, de acordo com projeções de redes de televisão, em uma comoção política que provocou a queda de mercados de todo o mundo. Trump liderou uma divisiva campanha na qual foi acusado de racismo e misoginia, e com uma retórica incendiária derrotou a ex-secretária de Estado Hillary Clinton, considerada favorita pelas pesquisas. O polêmico empresário de 70 anos terá a companhia de Mike Pence como vice-presidente. Hillary telefonou para Trump na madrugada para reconhecer o resultado. No entanto, Hillary anunciou que não discursará nesta noite.

"Serei o presidente de todos os americanos", diz Trump
Em sua primeira mensagem como presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump disse na madrugada desta quarta-feira que será o presidente "de todos os americanos", e se comprometeu a tratar com justiça todos os países.

Cercado por seus familiares, o novo presidente americano disse que sua adversária, Hillary Clinton, o telefonou para felicitá-lo por sua vitória e disse que os Estados Unidos têm uma "dívida de gratidão" com ela.

Republicanos mantêm a maioria no Senado e o controle de todo o Congresso
Os republicanos conquistaram a maioria no Senado nas eleições de terça-feira e continuarão controlando o conjunto do Congresso americano, onde o presidente eleito Donald Trump poderá se apoiar, destacam vários meios de comunicação.

Controlando a Casa Branca e o poder legislativo, os republicanos terão a capacidade de anular as reformas do presidente Barack Obama e principalmente seu controverso programa de seguro-saúde batizado de "Obamacare". (msn/Notícias)

Nenhum comentário:

Postar um comentário