sábado, 3 de dezembro de 2016

Corpos de jornalistas mortos na Colômbia chegam ao Rio

Já era quase 6h deste sábado quando três carros funerários entraram no terminal de cargas do Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão), na Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio. O avião com os corpos de oito jornalistas mortos na queda da aeronave que levava a delegação da Chapecoense em Medellín, na Colômbia, chegou ao Rio às 4h20m. O acidente deixou 71 mortos. Os corpos do jornalista da TV Globo Guilherme Marques, do produtor Guilherme Van Der Laars e do repórter cinematográfico Ari Júnior estavam na aeronave. Até por volta das 7h40m, devido aos trâmites burocráticos, os veículos da funerária com os corpos dos  profissionais da imprensa ainda não haviam sido liberados.

No mesmo avião, também foram trazidos outros cinco jornalistas da RBS-SC, que serão levados para Florianópolis, onde devem ser velados. Os corpos dos três jornalistas que ficaram no Rio serão levados para a funerária e, depois, serão velados no Salão Nobre do Botafogo, na Zona Sul do Rio. O Chapecoense jogaria uma partida pelo campeonato Sul-Americano. (O Globo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário