segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Operação destrói mais de 200 mil pés de maconha no Pará

A Polícia Civil destruiu 232,5 mil pés de maconha em 55 roças durante a operação 'Tapera'. A ação foi realizada em duas etapas, em novembro e dezembro, nos municípios de Nova Esperança do Piriá, Viseu e Garrafão do Norte, no nordeste paraense. Os números foram divulgados nesta segunda-feira (19). Em nove dias de operação, entre os dias 22 a 22 de novembro e 12 a 14 de dezembro, a polícia apreendeu 114,7 mil mudas de maconha, 91 kg de maconha seca, 35 kg de sementes e 12 kg de maconha em tablete.

Foram apreendidas também duas armas de fogo caseiras usadas em armadilhas no meio da mata, cinco prensas, uma bomba de irrigação e 1.800 metros de tubos de PVC usados na irrigação de plantações. As áreas de cultivo medem 132 mil metros quadrados.
Na primeira etapa da operação foram destruídos mais de 175 mil pés de maconha em 42 plantações. Os policiais também apreenderam 90 mil pés da erva e mais de 15 quilos de sementes, 10 quilos de maconha seca e já beneficiada.

Na segunda etapa foram localizados 13 roçados e destruídos 57,5 mil pés em uma área de 27 mil metros quadrados em Cachoeira do Piriá. No local também foram apreendidas 24,7 mil mudas, 81 quilos de maconha seca, 20 quilos de sementes e 12 quilos de tabletes de maconha.

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e o Instituto de Terras do Pará (Iterpa) serão contactados pela polícia para fornecer informações sobre os donos das terras onde as plantações foram encontradas. (ORM News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário