quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Eike é alvo de mandado de prisão na Lava Jato

O empresário Eike Batista é alvo de um mandado de prisão na Operação Eficiência, da Polícia Federal, no Rio de Janeiro. Segundo a Globo News, a PF foi até a casa do empresário na manhã desta quinta-feira (26), mas ele não estava. O advogado do empresário informou à Globo News que Eike estaria viajando, mas que vai se entregar à polícia assim que voltar. Os policiais cumprem mandados de busca e apreensão na casa do empresário. Eike é acusado de receber vantagens indevidas na gestão do ex-governador Sérgio Cabral, que já foi preso na Lava Jato. Foram emitidos nove mandados de prisão preventiva e quatro conduções coercitivas na 2ª fase da Operação Calicute.

De acordo com a Globo News, até as 6h30 um mandado de prisão já tinha sido cumprido contra Flávio Godinho. Ele é acusado de ocultar e lavar o dinheiro das propinas recolhidas de empreiteiras que faziam obras públicas no Rio.

Entre os alvos dos mandados de prisão também estão Sérgio Cabral, Wilson Carlos e Carlos Miranda, todos já presos. Os de condução coercitiva miram Maurício de Oliveira Cabral Santos, irmão do ex-governador, e Suzana Neves Cabral, ex-mulher de Sérgio Cabral.
(Exame.com) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário