quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Imprensa detona Ganso: 'Um a menos em campo' e 'Só para países de menor nível'

Praticamente há seis meses na Espanha, o meia Paulo Henrique Ganso vive o pior momento e isso ocorre exatamente um dia após ele ser titular no Sevilla contra o Real Madrid pelas oitavas de final da Copa do Rei. Substituído após 45 minutos jogados, ele foi duramente criticado pela imprensa local, que falou em "um a menos em campo" e "porta de trás". Sampaoli, seu principal patrocinador no Sevilla, teve que retirá-lo porque os adversários não encontravam qualquer oposição ali. O técnico argentino acha que pode tirar de Ganso o futebol que há lá dentro, mas a desvantagem é que a qualidade dele não está acompanhada de velocidade e sacríficio, como se espera no futebol espanhol", escreveu o "Marca".

"Nova decepção com um jogador que custou quase 10 milhões de euros, um investimento que cada vez mais parece longe de ser rentável. O Sevilla precisa de mágicos da bola, mas com armadura de gladiadores", concluiu o jornal espanhol.

Ganso tem só 12 jogos no Sevilla desde que chegou em agosto. E marcou apenas um gol, mas foi contra o Formentera, equipe da terceira divisão, na Copa do Rei. (ESPN)

Nenhum comentário:

Postar um comentário