quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Michel Temer reúne com governantes do Norte e Centro-Oeste

Na manhã desta quarta-feira (18), o presidente Michel Temer se reúne com representantes de cada estado, começando pelo Norte e Centro-Oeste para discutir a crise penitenciária, já que nos últimos dias a situação nos presídios do Brasil se agravou após o massacre de mais de 130 detentos. Foram convidados para este encontro, no Palácio do Planalto, os governantes do Acre, Roraima, Tocantins, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Amazonas, Rondônia e Pará. De acordo com a assessoria de imprensa, “o presidente da República fará reunião de trabalho por regiões. Hoje, ele iniciará com a Região Norte, que solicitou em virtude dos atuais problemas do sistema penitenciário”, informou.

FORÇA NACIONAL
As Forças Armadas poderão fazer operações de segurança em presídios por um período de 12 meses, de acordo com um decreto assinado pelo presidente Michel Temer e publicado nesta quarta-feira, no "Diário Oficial da União". As ações têm como objetivo a "detecção de armas, aparelhos de telefonia móvel, drogas e outros materiais ilícitos ou proibidos".

O decreto também determina que o ministro da Defesa edite normas complementares para definir detalhes da ação da Força Nacional nos presídios. Caberá ao governador de cada estado concordar com as operações nos presídios pelos quais for responsável.
Os presídios que registraram mais assassinatos nas rebeliões foram os de Manaus, Boa Vista e Nísia Floresta, na região metropolitana de Natal. (Agência Brasil)

Nenhum comentário:

Postar um comentário