terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Programa ECOA celebra resultados inspirando a construção projetos ambientais

A terceira edição do ECOA, em Juruti, beneficiou este ano mais de 2 mil alunos da rede pública e formou 21 educadores para atuarem como multiplicadores do programa, além de doar 2.250 livros didáticos para as escolas.
Com a exposição de projetos, apresentações teatrais e mesa de discussão, o Programa ECOA - Educação Comunitária Ambiental, celebrou em Juruti, oeste do Pará, o encerramento de mais um ciclo anual. O ECOA é uma iniciativa do Instituto Alcoa, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e apoio da Alcoa, e tem como objetivo fomentar a participação comunitária na construção de sociedades sustentáveis por meio de processos e práticas de educação ambiental.
 Os resultados foram comemorados por representantes das cinco escolas municipais integrantes do programa: Maria Lucia Nascimento, Raimundo de Sousa Coelho, Zelinda de Souza Guimarães, Elza Albuquerque e José Roberto Pimentel. Durante o evento, alunos e professores foram certificados pela atuação e participação no programa. Na mesa de conversa, as escolas apresentaram os principais legados e aprendizagens do ECOA, que integrou ativamente comunidade e famílias no processo pedagógico escolar.

Cada escola apresentou um estande com o resultado dos projetos desenvolvidos durante o ano. Para o professor José Maria Pinheiro Lima, da Escola Zelinda de Souza Guimarães, a iniciativa inspira uma relação de carinho com o meio ambiente e cuidados com patrimônio escolar. “Durante o ano desenvolvemos o ‘Projeto de Reciclagem’ e percebemos resultados, como a redução do lixo, espaços limpos e bem organizados”, relatou o professor que participa há três anos do Programa ECOA.

Para a gerente de projetos comunitários do Instituto Alcoa, Monica Espadaro, o ECOA busca fortalecer as comunidades onde a Companhia está presente, contribuindo para a formação de cidadãos conscientes e para uma sociedade mais justa e responsável. “Muito além das melhorias realizadas nas escolas, o ECOA provoca transformações nos alunos, professores e comunidade. Por meio do ECOA, os alunos se tornam protagonistas das mudanças que querem para suas vidas”, enfatizou.

“Este ano as escolas se aprofundaram na metodologia e conquistaram mais autonomia ao incorporar os princípios do ECOA, que são alinhados aos princípios da lei de diretrizes básicas da educação. Alguns desses princípios são a gestão escolar democrática, protagonismo juvenil, aprendizagem baseada em projetos, e o desenvolvimento de habilidades socioemocionais”, explicou Luciana Rocha, coordenadora de projetos da Evoluir, que realiza o ECOA em parceria com o Instituto Alcoa.

Segundo Rogério Ribas, gerente de Recursos Humanos e Assuntos Institucionais da Alcoa Juruti, ressaltou que o ECOA fortalece e amplia o horizonte escolar sobre os principais conceitos da educação ambiental. “O programa é uma forma de fomentar a temática ambiental na comunidade, permitindo que todos consigam refletir e aprender mais sobre a conservação ambiental”, concluiu Rogério.
Fabiana Gomes
Analista de Comunicação | Temple

Nenhum comentário:

Postar um comentário