quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Susipe do Pará toma medidas preventivas

A Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe) está em alerta para evitar rebeliões nas 45 unidades do estado. Com o massacre de 60 detentos em duas cadeias do Amazonas, 56 delas no Complexo Penitenciário Anísio Jobim, em Manaus, o superintendente da Susipe, André Cunha, diz que reforçou as tropas em todas as unidades do Pará. Segundo ele, as ações preventivas visam a evitar um caso similar no Pará, já que é comum que as superintendências do país se comuniquem com objetivo de prestar solidariedade e de contribuir com estratégias de crise. “É uma comunidade de operadores da área penitenciária, então, é comum que a gente se comunique e estabeleça contato. No mínimo, para prestar solidariedade”, declarou André Cunha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário