sábado, 25 de fevereiro de 2017

Preso homem acusado de estuprar criança de cinco anos

A Polícia Civil do Município de Bagre, na Ilha do Marajó, prendeu na tarde de ontem sexta-feira (24) um homem acusado de estupro de vulnerável. Joel Barbosa Ribeiro, também conhecido como "Tio Jó" é padrasto da vítima, que tem apenas cinco anos de idade. Segundo o pai da vítima, a menina contou para a madrasta, esposa dele, que "Tio Jó" vinha abusando constantemente dela. “Ele disse para minha filha não chorar, pois ia ser gostoso, e no final ainda a ameaçava, dizendo que se ela contasse para alguém, a mãe dela iria dizer que era culpa dela e ela iria apanhar”, disse o pai da vítima. Joel, que é companheiro da mãe da criança, vinha mantendo a rotina de violência sexual por mais de um ano.

Após saber da violência contra a filha, o pai da vítima procurou imediatamente a Delegacia de Polícia Civil de Bagre, onde foi aconselhado a ir até a Delegacia da Mulher (DEAM) do município de Breves. Na unidade do programa Pro Paz, a criança recebeu apoio psicológico, e os exames médicos comprovaram a violência sexual.

Após receber o resultado dos exames, o delegado Marcos Pinto, da Delegacia de Breves, expediu na tarde de quinta-feira (23) um mandado de prisão preventiva contra Joel Ribeiro. O acusado estava na zonal rural de Bagre, e só foi localizado na tarde desta sexta. "No momento da prisão, Joel ainda portava uma espingarda, e também foi autuado por porte ilegal de arma de fogo", disse o delegado. O homem agora se encontra sob custódia, aguardando transferência para o presídio de Breves.

“Minha filha está bem, brincando e conversando. Ela só não gosta muito de tocar no assunto. Estamos esperando esse momento passar para começar o tratamento psicólogico, pois eu e minha esposa sabemos que esse é um trauma que ela vai levar para toda a vida”, lamenta o pai da vítima. (ORM News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário