sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Estado entrega a PA-125 e beneficia mais de 100 mil pessoas

Mais de 100 mil pessoas serão diretamente beneficiadas pela inauguração da Rodovia PA-125. Entre elas está Miranir Barbosa, há 10 anos moradora do Bairro JK, em Paragominas, município do nordeste paraense. Miranir convivia com a poeira e lama, cenário anterior da rodovia estadual, que liga o centro da sede municipal à Rodovia BR-010 (Belém-Brasília). Agora, a realidade é outra. “Com a pavimentação e sinalização que estão instalando na rodovia, me sinto melhor e mais segura”, garantiu a moradora, enquanto acompanhava os retoques finais na obra, que será entregue oficialmente à população nesta sexta-feira (18).
 O governador do Pará, Simão Jatene, vai descerrar a placa inaugural, ato previsto para as 17 h, ao lado do secretário de Estado de Transportes, Kleber Menezes, e autoridades locais e regionais. As obras de pavimentação contemplam 12,76 km da PA-125, que vão desde o Entroncamento com a BR-010 até o Rio Uraim. A rodovia terá um trevo na confluência da PA-125 com a BR-010, e trará a urbanização do Bairro JK, que será a segunda entrada da cidade.

Mais saúde - Para os moradores, é a chegada de um novo tempo. Maria Lina, que reside à margem da rodovia, vive a expectativa de fazer suas caminhadas com mais tranquilidade. “Agora me parece mais seguro. Tem acostamento, e os problemas de saúde por causa da poeira já não são mais frequentes”, assegurou a moradora.

A estrada pavimentada e sinalizada também representará uma redução de 13 km até a rodovia Belém-Brasília, e, consequentemente, a diminuição no consumo de combustível. Para o morador André Amazonas também representa uma expectativa de economia. “Era muito difícil trafegar por aqui. Tinha muito prejuízo com o meu carro e moto, e as revisões eram constantes”, contou André Amazonas.

Para o comércio local, a nova PA-125 significa novas possibilidades de negócio. “Percebi que houve um aumento na clientela. Já estou pensando inclusive em expandir os serviços que ofereço aqui”, adiantou o empresário Henrique Campos.

Outro benefício, que afetará diretamente a Feira Agropecuária de Paragominas, a Universidade do Estado do Pará (Uepa) e o Aeroporto Regional de Paragominas, localizados à margem da rodovia, será a facilitação do escoamento da produção de madeira e de carne bovina para o Maranhão.

Investimentos – Conforme a Diretoria de Planejamento da Setran, a rodovia recebeu serviços de terraplenagem, pavimentação asfáltica em CBUQ (concreto betuminoso usinado a quente), drenagem superficial, obras de arte corrente, sinalização, obras complementares e obra de arte especial, como a construção de uma ponte em concreto sobre o Igarapé Vitória, com de 12 metros.

A ponte é resultado do convênio assinado entre o Governo do Pará e a Prefeitura de Paragominas, que investiram, aproximadamente, R$ 17 milhões. Os recursos estaduais foram superiores a R$ 10 milhões.

Ferrovia - Ainda em Paragominas, o governador Simão Jatene participará da audiência pública que debaterá as minutas dos editais da licitação pública para concessão da Ferrovia Paraense. O projeto prevê a total interligação do Estado do Pará, com 1.312 quilômetros de extensão, conectando-o à Ferrovia Norte-Sul.

A interligação da Ferrovia Paraense com a Norte-Sul, um trajeto de 58 quilômetros entre os municípios de Rondon do Pará e Açailândia (MA) - trecho final da Norte-Sul -, abre caminho para uma nova alternativa de escoamento de carga em um porto paraense, um dos atrativos do projeto para a iniciativa privada. A Ferrovia Paraense cruzará 23 municípios no Estado, e terá capacidade de carga de até 170 milhões de toneladas/ano. O Porto de Vila do Conde, em Barcarena, é o ponto brasileiro mais próximo dos grandes mercados consumidores, como China, Estados Unidos e o continente europeu.

Agropec - A agenda do governador no município será encerrada com uma visita à Feira Agropecuária de Paragominas (Agropec), realizada há 51 anos. Além de ser uma vitrine para o agronegócio, a feira gera empregos permanentes e temporários.
Em 2016, o evento movimentou mais de R$ 30 milhões na economia do município, e recebeu cerca de 230 mil visitantes, número que a coordenação espera manter este ano. (Com informações de Karlla Catete e Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Paragominas).
Por Bianca Teixeira - Agência Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário