quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Post de Obama sobre ódio racial é o mais curtido

A reação do ex-presidente dos EUA, Barack Obama, à violência registrada no fim de semana em Charlottesville se tornou o post com mais curtidas na história do Twitter, atrás apenas do comentário feito pela cantora Ariana Grande após o atentado durante seu show em Manchester, em maio. Obama reagiu aos acontecimentos de Charlottesville reproduzindo um pensamento do ex-presidente sul-africano Nelson Mandela, dividido em três mensagens. O tuíte mais popular foi o primeiro, no qual o ex-presidente americano aparece sorrindo para crianças que estão em uma janela.
Segundo o site Favstar, que contabiliza a popularidade dos posts, a mensagem de Obama teve mais de 3 milhões de curtidas, enquanto o de Ariana Grande teve 2,71 milhões. A publicação do democrata também foi compartilhada 1,22 milhão de vezes e se tornou o sétimo tuíte mais compartilhado até hoje no Twitter.

A mensagem de Mandela, citada por Obama, diz o seguinte: "Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor de sua pele, seu passado ou sua religião... as pessoas precisam aprender a odiar, e se elas podem aprender a odiar, elas podem ser ensinadas a amar... porque o amor chega mais naturalmente no coração humano do que seu oposto".

Barack Obama tem 93,3 milhões de seguidores no Twitter, mas não costuma postar com muita frequência. Sua última mensagem havia sido publicada em 20 de julho, quando manifestou apoio ao senador republicano John McCain após este receber um diagnóstico de câncer. (G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário