quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Publicom encerra com lançamento de prêmio e de campanha de incentivo ao turismo

"O Publicom acertou muito em trazer uma verdadeira diversidade de assuntos para serem debatidos. Saio daqui com a certeza de que aprendi sobre temas que sempre tive interesse, mas nunca tinha tido a oportunidade de vivenciar tão de perto”. Foi com esse sentimento que a estudante de jornalismo Maria Clara Monteiro, 24 anos, de Santarém, resumiu os dois dias do Encontro de Comunicação do Pará (Publicom), realizado pela Secretaria de Estado de Comunicação (Secom), em Santarém, na região do Baixo Amazonas.

O evento, realizado na sede do Ministério Público do Estado, reuniu mais de 300 jornalistas, estudantes e profissionais de comunicação da região. O último dia do encontro foi marcado por dois lançamentos que, pela primeira vez, foram divulgados fora de Belém: o primeiro foi a quarta edição do Prêmio de Jornalismo em Turismo, organizado pela Secom, Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo (Abrajet/PA) e Secretaria de Estado de Turismo (Setur).

“O prêmio do turismo é uma forma de valorizar aquele que faz comunicação. É com muita satisfação que estamos fortalecendo essa parceria com a Secom, com o intuito de incentivar e divulgar as maravilhas que o Pará oferece”, comentou o secretário de Estado de Turismo, Adenauer Goés, que participou do encerramento do evento.

A edição deste ano traz como novidade a categoria universitário, além dos profissionais e da #MeuBemPará, as inscrições iniciam dia 11 de setembro próximo e podem concorrer conteúdos publicados de agosto de 2016 a novembro de 2017.

A segunda foi a campanha institucional do Governo do Estado do mês de setembro, que terá como tema o turismo, e que também foi lançada durante o Publicom. O público que esteve presente pode conferir, em primeira mão, o clipe musical produzido pela Secom, com imagens encantadoras do Pará.

Diversidade
A programação do último dia do Publicom ofereceu os mais diversos temas. A primeira palestra foi ministrada por Cláudia Fusco, da ONG Think Olga, com o tema Jornalismo Humanizado. 

Durante o bate papo com os participantes, a jornalista falou sobre o papel da imprensa, o universo do feminismo, a renovação da imprensa e como praticar um jornalismo humanizado. “Temos pesquisas que comprovam que as mulheres não são nem ¼ das fontes de entrevistas. Ou seja, as mulheres não são fontes de entrevistas nem sobre elas mesmas e isso é muito preocupante e precisa mudar”, afirmou Claudia, que ressaltou também que “falar de feminismo não é falar de uma luta única”.

O “Texto na Tv” e as novas formas de se fazer jornalismo foram temas debatidos e apresentados pelos jornalistas Paulo Silber, Suelen Reis e Thisha Guimarães. “Somos aprendizes e produtores de conteúdo para gerar novos conhecimentos”, comentou o jornalista Paulo Silber, diretor de jornalismo da Secom.

A jornalista Trisha Guimarães apresentou algumas de suas reportagens especiais e comentou o que sempre motiva ela a desenvolver um bom texto para a televisão. “Não se faz uma matéria de comportamento hoje se você não se coloca, efetivamente, no lugar do outro. Em muitas das minhas matérias não há dados, apenas sentimento, comportamento, emoção. Essa é, sem dúvida, uma das possibilidades do jornalismo de TV", disse.

Natural de Santarém, a jornalista Suelen Reis, atualmente editora executiva e apresentadora do Jornal Bom Dia Goiás, na TV Anhanguera, em Goiânia, falou sobre sua trajetória na TV e de como sua experiência em Santarém foi fundamental para seu crescimento profissional. “Santarém foi a minha base e me deu coragem para encarar novos desafios”. Suelen foi gerente de jornalismo da TV Tapajós, em Santarém, durante 13 anos.

Narrativas digitais
Com o tema “Hipertexto: A linguagem das narrativas digitais”, o publicitário e diretor de Publicidade da Secom, Mauro Lima, falou sobre a importância em não parar de buscar conhecimento nunca. “Buscar conhecimento é a alma, a essência de qualquer pessoa”.

A última palestra da noite foi conduzida pelo gerente de Planejamento na Artplan, Nando Reis, que falou sobre “Rebranding Turístico: Entendendo destinos como marca”. Nando foi vencedor em diversos prêmios nacionais e internacionais de publicidade como: Colunistas, Globes Awards, Clio Awards, New York Festivals, London Awards e Cannes Lions.

Ao final do evento, o secretário de Comunicação, Daniel Nardin, agradeceu a todos que participaram do encontro. “Foram dois dias, 14 horas de evento e um aprendizado mútuo que não temos como mensurar e que certamente vai gerar muitos desdobramentos positivos. Este diálogo permanente com a imprensa local e com os estudantes, que vão formar a nova geração dos profissionais de comunicação, é fundamental para que a gente possa aprender e melhorar sempre”, finalizou.

O Publicom é o maior evento de comunicação do Pará e de 2015 a 2017 já passou pelos municípios de Xinguara, Bragança, Redenção, Belém, Parauapebas e Paragominas, reunindo mais de dois mil participantes. Como nas edições anteriores, a confirmação das inscrições foi feita com doações de livros. Nos dois dias do evento em Santarém, 282 livros foram arrecadados e serão distribuídos para a bilbioteca do Hospital Regional do Baixo Amazonas.

Os apoiadores do Publicom de Santarém foram: Territórios Sustentáveis, Pro Saúde, Prefeitura de Santarém, Abrajet, Setur e Ministério Público do Estado.
Por Bruna Campos- Agência Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário