terça-feira, 19 de setembro de 2017

Pará Profissional oferece mais de 1,3 mil vagas em 55 cursos

Qualificar pessoas e gerar maior oportunidade de emprego e renda em todas as regiões do Pará sem custo para a população. Esse é o principal objetivo e a meta do Programa Pará Profissional, que está com inscrições abertas para 55 cursos em 10 das 12 Regiões de Integração do Estado do Pará. Criado por meio da Lei 8.427, de 16 de novembro de 2016, esse é o primeiro edital exclusivo do Programa realizado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação (Sectet).
As inscrições, abertas, preencherão um total de 1.345 vagas em cursos de qualificação profissional dirigidos para apoiar as atividades do Comércio de Bens, Serviços e Turismo. Entre os cursos ofertados estão: assistente administrativo, gerente de lojas, porteiro e vigia, assistente de operação de logística portuária, serviço de garçom e garçonete, camareira, confeiteiro, design de mechas, design de sobrancelhas e embelezamento de cílios, cortes masculinos com máquinas, entre outros.

Idealizado em 2015 pela Sectet, o Programa busca dar maior flexibilidade e agilidade na oferta de cursos de educação profissional. “Fomos em busca de um modelo institucional que permitisse isso, poder ofertar cursos de real interesse da população e que garantissem a geração de emprego e renda nos municípios. 

Antes havia uma desconexão entre ofertas e demandas, mas agora com o Programa, realizado exclusivamente com recursos do Governo do Pará, atendemos o que realmente a população deseja e necessita naquele momento. Vamos até os municípios, realizamos oficinas e estudos para descobrir, quais cursos ofertar e em que locais, sempre o mais próximo da realidade de cada setor produtivo e da demanda da população”, explicou o diretor de educação profissional e tecnológica da Sectet, Luis Blasques.

O edital, publicado em 13 de setembro deste ano, é destinado a jovens e adultos a partir dos 18 anos. Os cursos serão executados pelo SENAC do Pará de forma gratuita. “A Lei nos permite contratar instituições e/ou bolsistas e instrutores de reconhecimento na área e expertise comprovada para oferecer a melhor qualificação à população e em áreas estratégicas do Estado”, comentou Luis Blasques.

As aulas terão início, variando de cada curso, entre os meses de setembro e novembro de 2017 e serão executadas por Unidade de Ensino do SENAC/PA. Para estarem aptos à matricula, os participantes devem ter idade mínima de 18 anos completos no momento da inscrição e atender aos níveis de escolaridade e pré-requisitos exigidos no edital.

Para os próximos editais estão previstos cursos que englobem as áreas rural e industrial. “Ainda este ano haverá processo interno na secretaria para contratação de instrutores e abertura de editais para atendimento específico da área rural e industrial. O processo será semelhante, todas as vagas e cursos foram identificados também por meio de estudos e visitas aos municípios”, finalizou o diretor de educação profissional e tecnológica da Sectet.

Serviço - Para se inscrever, não é necessário se dirigir a sede da Secretaria, basta acessar o site da Sectet por meio do endereço www.sectet.pa.gov.br, ou ir direto no link: (http://cursos.sectet.pa.gov.br), escolher a região do Estado, o curso que deseja e iniciar a inscrição.
Por Heloá Canali - Agência Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário