quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

Polícia investiga morte de comerciante no Coqueiro em Belém

A Polícia Civil procura pistas dos assassinos do comerciante Wellington da Costa Pereira, 28 anos, morto na frente do filho de 10 anos quando voltava para casa na noite desta terça-feira (30) no conjunto Guajará II, em Ananindeua, região metropolitana de Belém. A motivação do crime continua desconhecida. O crime foi no Conjunto Guajará 1, na esquina da Avenida A, com esquina com passagem Assunção, em Ananindeua. Wellington morava no local, onde também funcionava seu ponto de revende de gás e água mineral. 

Por volta de 19h20 de ontem (30), um carro dourado (Chevrolet Cobalt) o estava aguardando, parado na esquina. Ao avistar o homem caminhando com seu filho de dez anos, os ocupantes do veículo dispararam contra o comerciante. A criança correu, muito assustada, e não foi ferida.

Wellington morreu no local. Parentes contaram que o homem não tinha qualquer envolvimento com atividades ilícitas, e acham que a única motivação para a execução seja um ataque de concorrentes comerciais. Wellington deixou quatro filhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário