quinta-feira, 28 de junho de 2018

Corpo de Bombeiros lança dois aplicativos para a segurança dos veranistas

O Sistema Estadual de Segurança Pública conta cada vez mais com a tecnologia para levar serviços à população. Este ano, entre as novidades estão os dois aplicativos para celular e tablet que o Corpo de Bombeiros Militar do Pará (CBMPA) está lançando na Operação Verão 2018. São eles o Praia Segura e Emergência APP. “Esses aplicativos vão ajudar para que possamos prestar um serviço cada vez melhor à população, com mais rapidez e qualidade, sempre visando à segurança dos veranistas nesse período de férias.
Queremos, principalmente, diminuir o tempo resposta nos casos de acidentes de trânsito, e facilitar a vida dos pais que perdem seus filhos nas praias”, explicou o coronel, Andrei Vicente da Costa, diretor de Telemática e Estatística do Corpo de Bombeiros.

Emergência APP- Criado por intermédio de um Termo de Cooperação Técnica, celebrado entre o Corpo de Bombeiros do Estado do Pará e a empresa paulista SAS Smarth, o Emergência APP vai servir para acionar o Centro Integrado de Operações (Ciop) imediatamente após um acidente de trânsito. O Corpo de Bombeiros do Pará será a primeira corporação do Brasil a utilizar esse sistema.

Depois que o usuário baixar o aplicativo em seu celular ou tablet, ele irá preencher um questionário, incluindo dados médicos como o seu tipo de sangue e o plano de saúde.  O aplicativo funciona em segundo plano no dispositivo móvel, e só será acionado quando o motorista/usuário estiver a partir de 40 km/h por um período determinado.

Caso haja uma colisão, o impacto fará com que o celular mande um aviso para o Ciop, com a localização geográfica do acidente. Com essa ação, o CBMPA pretende diminuir o tempo resposta, uma vez que eliminará o tempo do registro da ocorrência via ligação telefônica, assim como os riscos de trotes, pois no ato da instalação do “app”, o usuário deverá fazer um cadastro.

Praia Segura- Já o aplicativo Praia Segura é um app multifunção, disponibilizado pelo Corpo de Bombeiros como utilidade pública para os veranistas. Ele traz cinco funções, em um conjunto de ferramentas práticas, para que os banhistas tenham informações sobre tábuas de marés, clima e dicas de segurança. Os serviços disponibilizados através do Praia Segura são: “Cadê Minha Criança”, “Módulo Tábua de Marés”, “Módulo Clima”,  “Dicas de Segurança” e o “Ligue 193”

O primeiro, “Cadê Minha Criança” mostra um relatório das crianças encontradas perdidas pelo CBMPA nas praias do Estado. Tem como objetivo proporcionar aos pais, familiares ou responsáveis, um relatório diário das crianças encontradas e encaminhadas aos Postos de Guarda Vidas, em praias e balneários, ou Postos de Comando de Operações, em eventos ou prevenções.

 “O número de crianças perdidas pelos pais nos balneários vem nos preocupando a cada ano mais. Em julho do ano passado, por exemplo, chegamos a ter 80 menores perdidos em um único dia, em Outeiro. Essa foi a nossa principal motivação em criar esse aplicativo, para que os pais possam acioná-lo e verificar com maior rapidez suas crianças”, disse o major Marcos Queiroz, sub diretor de Telemática e Estatística do Corpo de Bombeiros.

Já o segundo, o “Módulo Tábua de Marés” contém informações sobre os períodos de preamar e baixa-mar fornecidos pela Marinha do Brasil. O “Módulo Clima” apresenta informações sobre temperatura, umidade, ventos e outros dados meteorológicos, fornecidos pelo Instituo Nacional de Pesquisas Espaciais. 

O quarto “Dicas de Segurança” apresenta informações básicas sobre comportamento e atitude, com foco na prevenção de acidentes no ambiente de lazer. O último, o “Ligue 193” é um atalho com discagem direta para ligações de emergência, direcionadas para o Ciop.

Os dois aplicativos já estão disponíveis, ambos podem ser baixados através das lojas de dispositivos Android e iOs. Em menos de 24 horas de lançamento, o app Praia Segura já contabilizou mais de 50 usuários.

Bem Pará – LAlém dos APP lançados pelo Corpo de Bombeiro, o Governo do Para também disponibiliza outro voltado para o turismo e que pode ser acessado para informações de lugares nesse período de veraneio, é o “Bem Pará – A Amazônia que encanta”. 

Lançado em setembro do ano passado pelo Núcleo de Comunicação Integrada da Secretaria de Estado de Comunicação ( Secom), o aplicativo traz informações como descrição, história, economia, principais atrativos, localização, municípios próximos, quando ir, distância da capital, como chegar e contatos úteis dos 144 municípios do Estado. 

A ideia é oferecer às pessoas, principalmente ao paraense, uma ferramenta, de fácil acesso, com informações de como e quando ir a determinado lugar ou cidade e, ainda, com a novidade de os usuários poderem colaborar com dados ou fotografias dos lugares em que visitar ou morar.

Uma das preocupações principais dos desenvolvedores do aplicativo é que, além de informativo, pudesse ser uma ferramenta acessível. Ele foi trabalhado de forma que, depois de ser carregado pela primeira vez, quando irá armazenar os dados, seja bem leve nos próximos acessos. Por isso, é trabalhado com fotos reduzidas, para proporcionar uma navegação mais rápida.

No aplicativo, é possível encontrar os municípios, as regiões do Estado e as abas “ParáCurtir”, com dicas de eventos e festividades, e a “ParáComer” com informações sobre a gastronomia. 

O ParáEntender” é uma espécie de glossário com gírias paraenses, o “ParáEncantar” apresenta a rica cultura do Estado, o “ParáVer” traz um cardápio de vídeos que apresenta o Pará, e o “ParáConhecer” fornece informações sobre os lugares que podem e devem ser visitados por paraenses e turistas, caso de Alter do Chão, que já foi eleita duas vezes, pelo jornal britânico The Guardian, a praia de água doce mais bonita do mundo, conhecida como o “Caribe brasileiro”.

O aplicativo pode ser baixado de maneira simples e rápida. Pelo sistema Android, é só acionar o Google Store e para o iOS, o iTunes.
 Por Syanne Neno - Agência Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário