sexta-feira, 27 de julho de 2018

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje sexta feira (27)

CIÊNCIA
- Maior eclipse lunar do século acontece hoje

BRASIL
- Polícia é acionada após mala deixada no Planalto
A tranquilidade que reinava na noite de quinta-feira (26) no Palácio do Planalto foi interrompida por uma ameaça de bomba. Por volta das 20h, a Polícia Militar foi acionada para verificar uma mala que havia sido abandonada próximo a uma parada de ônibus, em frente ao Planalto. Ao final, tudo não passou de alarme falso. (Via Agência Brasil)
- Mortes por febre maculosa preocupam SP
Novas mortes causadas pela febre maculosa, doença transmitida por um carrapato, preocupam os serviços de saúde em cidades do interior de São Paulo. Até a tarde de ontem, as prefeituras contabilizavam 17 óbitos confirmados – desses, 14 já foram notificados à Secretaria da Saúde do Estado. (Via Estadão)

ELEIÇÕES
- 'Centrão' apoia Alckmin: qual é o impacto?
Ladeado por outros onze homens em uma longa mesa, o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) recebeu na quinta feira (26) em Brasília o apoio formal do 'Centrão', bloco formado por PP, PR, DEM, PRB e Solidariedade, a sua candidatura à Presidência da República. A ampla aliança garante ao tucano o maior tempo de propaganda eleitoral no rádio e na TV, aposta para elevar seu desempenho nas pesquisas de intenção de voto, que hoje não chega a 10%. (Via BBC News Brasil)

- Economista alvo da PF deixa campanha de Doria
O economista Roberto Giannetti da Fonseca, coordenador geral do programa de governo de João Doria, pediu ontem o afastamento de suas funções na campanha. Gianneti é alvo da operação Zelotes da Polícia Federal. As investigações miram esquema de corrupção e lavagem de dinheiro envolvendo conselheiros e ex-conselheiros do Carf (Conselho Administrativo de Recursos Fiscais). (Via Poder360)

MUNDO
- 700 crianças seguem separadas dos pais nos EUA
Mais de 700 crianças que foram separadas dos seus pais nos Estados Unidos não foram entregues às suas famílias antes de quinta-feira (26), prazo limite estipulado pela Justiça Federal americana. Pais e filhos foram separados ao tentar entrar ilegalmente no país. (Via VEJA.com)

- Grécia: incêndios podem ter sido criminosos
Autoridades gregas disseram ter "sérias indicações" de que os incêndios que deixaram ao menos 83 mortos foram provocados. O ministro da Proteção ao Cidadão, Nikos Toskas, afirmou que a análise de imagens de satélite e inspeções no solo sugerem que o fogo que começou em vários locais em um curto espaço de tempo na última segunda-feira tenha sido fruto de ação criminal. (Via Notícias ao Minuto)

Nenhum comentário:

Postar um comentário