quarta-feira, 11 de julho de 2018

Alcoa fortalece protagonismo da comunidade em Juruti

Comunidades Café Torrado, Prudente e Monte Sinai participam das capacitações sobre gestão de organizações promovidas pelo Instituto Alcoa.
 Pelo quinto ano consecutivo o Instituto Alcoa realiza no município de Juruti, onde a Alcoa mantém operações de mineração de bauxita, o projeto Cambará, que promove o aprimoramento da gestão de organizações da sociedade civil. O projeto, que tem o objetivo de fortalecer o papel estratégico das organizações como protagonistas do desenvolvimento local, este ano, beneficia lideranças das comunidades Café Torrado, Prudente e Monte Sinai.
 Esta iniciativa é promovida em todas as localidades onde a Alcoa opera no Brasil desde 2014, em parceria com o FICAS – Fundo Internacional Socioambiental, organização com grande experiência na área. A formação tem duração de cinco módulos com encontros de um dia, além de atividades como rodas de conversa, apresentação do trabalho desenvolvido e atividades práticas. A programação é feita por etapas que vão de abril a outubro.
 
O coordenador da comunidade Prudente, Elcir Batista Pereira, considera que o curso vem trazendo conhecimento e ampliando a visão dos participantes. “Com certeza vai haver um avanço bem maior na comunidade por causa dos conhecimentos que são transmitidos na capacitação do Cambará”, disse. Para um dos fundadores da Associação das Comunidades Prudente e Monte Sinai, Eudes Silva, a formação vai fortalecer a vida em comunidade. “O curso nos faz conhecer algumas estruturas teóricas de base e mostra um norte de como ajudar mais a comunidade, beneficiando todo mundo”, comenta.
 
Segundo Rogerio Ribas, gerente de Relações Institucionais da Alcoa Juruti, o Projeto Cambará é muito enriquecedor para todos. “O resultado desse trabalho é sentido na melhoria dos projetos apresentados pelas organizações anualmente ao Instituto Alcoa, bem como pela maior qualidade técnica da liderança comunitária e a apropriação da juventude. Isso é importante para que as comunidades locais possam se aperfeiçoar e acessar os mecanismos de incentivo a novos empreendimentos sociais, além de garantir a boa gestão das iniciativas coletivas”, avalia o gerente.
O consultor Gil Rodrigues, que está à frente do Cambará em Juruti, diz que tem sido muito interessante o trabalho de formação das lideranças e dos próprios comunitários, dentro da comunidade. “Entre os desafios já identificados no grupo que está sendo capacitado, o maior deles é fazer com que as pessoas percebam que fazem parte de uma mesma comunidade e estão ali buscando o bem comum, o desenvolvimento da comunidade e busque a organização para construir iniciativas pelo bem coletivo, ultrapassando o universo individual”, comenta.
Sobre o Instituto Alcoa
Fundado em 1990, no Brasil, o Instituto Alcoa é uma entidade sem fins lucrativos, que busca promover transformações positivas nas localidades onde a Alcoa está presente, fortalecendo as comunidades e contribuindo para uma sociedade mais justa e responsável. O Instituto Alcoa tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento sustentável local, atuando por meio do Programa de Apoio a Projetos Locais, Programas de Voluntariado, Projetos Estruturantes e Iniciativas Globais provenientes da Alcoa Foundation. Os temas considerados estratégicos para toda atuação do Instituto Alcoa são: educação; trabalho e renda; saúde; meio ambiente; governança e segurança.
 
CONTATOS
Alcoa
Silvia Fujiyoshi - Comunicação | Alcoa Juruti
Cel 93 98112 4433 - silvia.fujiyoshi@alcoa.com.br
AMG - Santarém
José Ibanes - Relações com a Imprensa| Alcoa Juruti
Cel 93 992101756  - joseibanes@gmail.com
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário