domingo, 29 de julho de 2018

De volta! Aldo nocauteia Stephens no 1º round e chora por voltar a vencer

José Aldo pode até já ter sua aposentadoria em mente, mas, dentro do octógono, ainda consegue estar em alto nível. É a conclusão que a vitória sobre Jeremy stephens, no UFC Calgary, ontem sábado (28), deixou ao mundo do MMA. Com um gancho de esquerda na cintura do número 4 da divisão, o brasileiro iniciou a derrocada do rival e voltou às vitórias em grande estilo.
O duelo terminou ainda no primeiro round, mas não sem muita emoção antes. Aldo começou hesitante e acabou levando a pior. Em uma sequência perigosa, Jeremy acuou o brasileiro na grade e acertou bons socos. O ex-campeão peso-pena (66 kg), porém, mostrou ótima absorção de golpes.
 

Pouco depois, no último minuto do assalto inicial, o manauara fintou um golpe em cima e acertou, de canhota, um gancho que tirou o ar de Stephens. Depois, no chão, marteladas encerraram o combate. Com a vitória, Aldo volta a se aproximar de uma disputa de cinturão, ainda que interino, já que Max Holloway está afastado indefinidamente.

Alto nível
As lutas principais do UFC Calgary começaram com um embate de dois lutadores em ascensão no Ultimate: Alexander Hernandez, número 13 do ranking dos meio-médios (77 kg), e Olivier Aubin-Mercier colocaram em jogo, respectivamente, invencibilidades de sete e quatro lutas. E o confronto fez valer a expectativa: com alta qualidade técnica no grappling de ambos os lutadores, Hernandez aproveitou seu melhor preparo físico para levar a melhor nas transições no chão.
 
Em seguida, Joanna Jedrzejczyk evitou a terceira derrota seguida ao frear o ímpeto incessante de Tecia Torres no primeiro round e ganhar espaço nos dois assaltos seguintes. Com o striking fluido e veloz de hábito, a polonesa acertou os melhores golpes, embora tenha levado a pior em uma trocação franca no final do segundo assalto.

A luta deixou a sensação de que Tecia continua evoluindo nitidamente como lutadora, mas que só Rose Namajunas, atual campeã do peso-palha (52 kg), sabe qual a 'kryptonita' de Jedrzejczyk.

Muita raça
O card preliminar foi marcado pelo nocaute de Ion Cutelaba sobre Gadzhimurad Antigulov e a finalização de Islam Makhachev sobre Kajan Johnson, ambas no primeiro round. Cutelaba superou um início de luta ruim para magoar o russo com socos e cotoveladas que obrigaram o árbitro Marc Goddard a interromper o combate ainda em pé. Já Makhachev continuou fazendo a fama dos nascidos no Daguestão ao não dar nenhuma chance a Johnson. Islam rapidamente conseguiu a queda, a montada e um armlock.
 
Outro destaque foi a luta franca entre John Makdessi e Ross Pearson, que terminou com a vitória do primeiro. Num duelo todo disputado em pé, o canadense fez valer o fato de ter um corpo menos maltratado pelo tempo e pelas batalhas dentro do octógono. Claramente mais rápido desde o início do duelo, o lutador da Roufusport ganhou com tranquilidade os três rounds, apesar de dois dos juízes terem pontuado um dos assaltos a favor de Pearson.
 
No fechamento dos combates preliminares, Jordan Mein e Alex Morono fizeram um duelo movimentadíssimo, que começou com golpes abertos em pé e terminou com transições no chão, com um atleta aproveitando o cansaço do outro. No fim, triunfo de Mein, por decisão unânime dos árbitros laterais.

Confira os resultados do UFC Calgary até o momento:
Pena (66 kg) | José Aldo venceu Jeremy Stephens por nocaute técnico a 4min19s do primeiro round
Palha feminino (52 kg) | Joanna Jędrzejczyk venceu Tecia Torres por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Leve (70 kg) | Alexander Hernandez venceu Olivier Aubin-Mercier por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)
Meio-médio (77 kg) | Jordan Mein venceu Alex Morono por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Pena (66 kg) | Hakeem Dawodu venceu Austin Arnett por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Leve (70 kg) | Islam Makhachev venceu Kajan Johnson por finalização (armlock) a 4min40s do primeiro round
Meio-pesado (93 kg) | Ion Cuțelaba venceu Gadzhimurad Antigulov por nocaute técnico a 4min25s do primeiro round
Leve (70 kg) | John Makdessi venceu Ross Pearson por decisão unânime (30-26, 29-27, 29-28)
Mosca feminino (57 kg) | Katlyn Chookagian venceu Alexis Davis por decisão unânime (29-28, 29-28, 30-27)
Mosca (57 kg) | Dustin Ortiz venceu Matheus Nicolau por nocaute a 3min49s do primeiro round
Palha feminino (52 kg) | Nina Ansaroff venceu Randa Markos por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Leve (70 kg) | Devin Powell venceu Álvaro Herrera por nocaute a 1min52s do primeiro round

Nenhum comentário:

Postar um comentário