sexta-feira, 13 de julho de 2018

Flexa Ribeiro garante mais uma conquista aos Agentes Comunitários de Saúde


Relator do projeto que regulamentou a profissão dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e dos Agentes de Combate às Endemias (ACE), o senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) foi fundamental na aprovação do texto que estabelece novo piso salarial para a categoria.  O plenário do Senado aprovou a Medida Provisória (MP) 827/2018 que concede reajuste a estes trabalhadores. “Fizemos justiça a estes profissionais tão dedicados e que tem um papel da mais alta relevância para o nosso sistema de saúde. Investir em saúde preventiva, nas ações desenvolvidas por estes profissionais, é garantir mais saúde ao nosso povo”, defendeu o senador Flexa Ribeiro.
Aprovado na Câmara e no Senado, o texto da MP foi encaminhado à sanção do presidente da República para ser transformado em lei. Dos atuais R$ 1.014,00, o salário dos profissionais de saúde deverá chegar, de forma escalonada, a R$ 1.550,00 em 2021. Isto representa um reajuste de 52,86% ao longo de três anos.
Além do reajuste do piso salarial, em 2016 foi aprovado o projeto de regulamentação da profissão e que assegurou uma série de direitos previdenciários e trabalhistas aos ACS e ACE. Em todo o Brasil, os mais de 250 mil agentes comunitários de saúde e os 60 mil agentes de combate às endemias se beneficiaram com essa regulamentação.
Flexa ressalta que ao investir e dar melhores condições aos profissionais de saúde preventiva, o governo reduz os custos assistenciais e promove uma otimização dos serviços médico-hospitalares. “Investir em média e alta complexidade exige mais recursos do que as ações preventivas, e mais do que isso, investir em prevenção é melhorar a qualidade de vida da nossa gente”, enfatizou Flexa.
Pelo texto aprovado, será obrigatória a presença dos ACS na Programa Saúde da Família e dos ACE na estrutura de vigilância epidemiológica e ambiental.
 Além de orientar e encaminhar a população para o atendimento nos postos de saúde, os ACS fazem o registro dos cidadãos para que possam acessar aos serviços de saúde. Já o profissional que atua no combate às endemias é responsável pelas ações educativas em saúde junto à comunidade, informando a população sobre os riscos das doenças. 
Yuri Age







 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário