quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Estação Cidadania de Santarém completa 6 anos com quase 1 milhão de atendimentos

Com quase 1 milhão de atendimentos realizados a Estação Cidadania de Santarém, que completa seis anos de implantação nesta sexta-feira (17),  se consolidou como o maior “shopping de serviços” da região Oeste do Pará. Ao longo desse período, houve expansão no número de instituições parceiras, além da ampliação de serviços já existentes. 
Atualmente, 21 órgãos atuam no local e para os próximos dias já está prevista a incorporação da Fundação Pro Paz, uma agência do Instituto de Gestão Previdenciária do Estado Pará (Igeprev), um posto de atendimento do Ministério do Trabalho e uma Ouvidoria da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).

Com a média de 12 mil atendimentos por mês, os serviços são direcionados à população de Santarém e aos municípios do Baixo Amazonas e da região da Transamazônica.

 Nos sete primeiros meses de 2018, a Estação Cidadania realizou 74.455 atendimentos, distribuídos entre seus atuais 21 parceiros (Polícia Civil; Arcon; Detran; Defen; Procon; Cartório de Registro Civis; Seaster; Jucepa; Cohab; Sefa; CredCidadão; DSO; Iasep; Banpará; Cosanpa; INSS; Adepará; Pará Rural; SINE; Celpa e Pro Paz). 

Praticidade
Para a Secretaria de Estado de Administração (Sead), responsável pelo gerenciamento das Estações Cidadania, o Governo do Estado, ao descentralizar os serviços, cumpre o papel de atender com eficiência aos contribuintes, trazendo para um único espaço diversos serviços ao cidadão, a um custo menor de tempo e de recursos, com uma verdadeira integração entre os órgãos.

"São quase 1 milhão de atendimentos que beneficiam não só os moradores de Santarém mas de toda a região do Baixo Amazonas e Transamazônica. Então temos pessoas que recebem atendimentos em quatro ou cinco órgãos em um mesmo dia, por isso nós chamamos esse espaço de um shopping de serviços, onde o contribuinte pode resolver suas questões com conforto, praticidade e economia de tempo", explica o coordenador da Estação Cidadania, Alberto Portela.

Expansão e ampliação de serviços
A chegada de uma agência do Igprev, que até então só existe na capital Belém, é uma das novidades mais aguardadas. "Essa foi uma conquista que nós obtivemos do Estado. Pela primeira vez, teremos uma agência do Igeprev no interior para prestar serviços sobre gestão previdenciária, prestar informações sobre aposentadorias e outros benefícios aos servidores do estado", comemora Portela.

Fora os novos parceiros, serviços já existentes, como o do Detran e da Polícia Civil, foram ampliados. O posto do Detran, que antes oferecia apenas serviço de legalização de veículos, agora dispõe de regularização da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), com emissão da primeira habilitação; renovação da CNH; mudança e adição de categoria; CNH definitiva; 2ª via da carteira e outros serviços. 

Nele, também, é realizada a prova online de legislação e a biometria. Já a Polícia Civil, além dos serviços já ofertados, conta, também, com biometria. (Samuel Alvarenga)

Nenhum comentário:

Postar um comentário