segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Semana Nacional do Trânsito terá programação especial em Belém e Santarém, oeste do Estado

O Departamento de Trânsito do Estado (Detran) promove de 18 a 25 de setembro, programação alusiva à Semana Nacional de Trânsito. A abertura oficial será em Santarém, região do Baixo Amazonas, que possui números expressivos com relação à frota e a acidentes de trânsito no estado. O evento se estende durante todo o período, a diversos municípios.
A Semana Nacional de Trânsito este ano tem como tema “Minha escolha faz a diferença no trânsito” e tem como objetivo sensibilizar o cidadão de sua responsabilidade e contribuir para a criação de um ambiente mais seguro e de valorização da vida, focado no desenvolvimento de valores, posturas e atitudes, no sentido de garantir o direito de ir e vir.

Os números da violência no trânsito no Pará são preocupantes. Com uma frota de 1.969.852 veículos, este ano, até junho, foram contabilizadas 666 mortes, 9.127 feridos e 14.002 acidentes. Destes acidentes, 8.939 foram colisão de veículos, o número mais expressivo que se repete ano após ano; sendo os automóveis os veículos com maior incidência de acidentes, totalizando 10.001 até junho. De acordo com o setor de Estatística do Detran, sábado é o dia com a maior concentração de acidentes, totalizando 2.310.
Santarém
Além da abertura, o município abriga o dia da programação, que acontecerá na próxima quarta-feira, 19, e contará com representantes do Detran, Polícia Rodoviária Federal, Ministério Público e do médico Guataçara Gabriel, que realizará a palestra: “Quero andar de moto até morrer, mas não quero morrer andando de moto”. O evento será na sede do Instituto Esperança de Ensino Superior (Iesps), a partir das 8h30.

A escolha de Santarém para a abertura do evento, não foi à toa. O município, um dos maiores do Estado, possui frota total de 99.414 veículos. Até junho de 2018, foram contabilizados 352 acidentes, totalizando 260 feridos e 12 mortos.

A cidade enfrenta uma questão delicada com relação às motocicletas, sendo estes os veículos que mais se envolveram em acidentes, foram 245. Além disso, o município possui a maior frota de veículo por tipo na região, totalizando 45.053. Seis motociclistas morreram em acidentes e 170 ficaram feridos até junho. Os números altos desta categoria de condutores já vêm de alguns anos como, por exemplo em 2017, quando 20 motociclistas morreram nas vias da cidade.
Belém
A capital abriga programações nos dias 19 a 25 de setembro e contará com diversas atividades com foco principal nas escolas públicas e privadas.
No dia 18, as equipes de Educação do Detran e órgãos parceiros estarão nas Escola do Sesi, em Icoaraci, e na Escola Estadual Joaquim Viana, com a palestra “Nós podemos fazer o trânsito seguro”. O encerramento da programação será na sede da Universidade da Amazônia.( Cristiani Sousa)


Nenhum comentário:

Postar um comentário