O nutricionista Gabriel Passos, que atende em seu consultório na Bahia, concorda parcialmente com a conclusão de Carroll. “Pode até ser que o café não seja o mais importante, mas acho fundamental que não se pule a refeição”, afirma o nutricionista.
“O café da manhã é fundamental porque o corpo precisa de nutrientes ao acordar. Mas também não podemos desmerecer as outras refeições; quando um nutricionista faz uma dieta, é calculada a alimentação do dia, ao longo de todas as refeições. Por isso, todas são importantes”, explica.

Passos compara o que comemos ao longo do dia com os nossos órgãos, pois não existe um mais importante do que o outro. “Todos, em conjunto, são essenciais para o bom funcionamento do corpo”, diz. Mesmo com opiniões diferentes, o segredo para se ter uma boa saúde é ter equilíbrio, bom senso e saber ouvir o corpo. O segredo é ter equilíbrio e saber ouvir o seu corpo. “Se você está com fome de manhã, deve comer; se você não estiver, não está pecando em não comer”, conclui.