Coluna 2

Coluna 1

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje terça feira (11)

BRASIL
- MP-GO recebe 40 denúncias contra João de Deus
A força-tarefa do Ministério Público de Goiás criada para investigar os casos de abuso sexual que teriam sido cometidos por João Teixeira de Faria, conhecido com médium João de Deus, recebeu na segunda-feira 40 contatos formais de mulheres que afirmam ter sido vítimas de abuso sexual. O MP e a Polícia Civil de Goiás começaram a agendar os depoimentos. (Via Estadão)

- BA: bandidos se entregam após fazer 16 reféns
Os quatro homens que fizeram cerca de 16 servidores municipais reféns dentro do Centro de Saúde Osvaldo Caldas Campos, no bairro de Santa Cruz, em Salvador, se entregaram à polícia no início da noite de segunda-feira e liberaram as vítimas. Os criminosos invadiram a unidade de saúde por volta das 16h, após um tiroteio na região. No confronto, três suspeitos acabaram mortos e um policial militar ficou ferido, sem gravidade. (Via VEJA.com)
- Rio: caminhoneiros entram em confronto com a polícia
Caminhoneiros entraram em confronto com agentes da Polícia Rodoviária Federal na segunda-feira (10) durante a breve manifestação que fechou trecho da rodovia Dutra (BR-116). Os trabalhadores pedem a revogação da liminar concedida pelo ministro do STF, Luiz Fux, que suspende as multas cobradas dos transportadores que não praticarem a tabela do frete mínimo. Ontem, apenas três pontos de alto movimento de caminhões foram fechados pelos manifestantes, mas todos já foram liberados. (Via VEJA.com)

POLÍTICA
- Brasil deixará pacto para migração da ONU
O Brasil abandonará o Pacto Mundial para Migração das Nações Unidas, aprovado formalmente na segunda-feira em Marrakech, no momento em que Jair Bolsonaro assumir o governo, no dia 1º de janeiro, afirmou o futuro ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo. O acordo internacional pretende reforçar a cooperação para uma "migração segura, ordenada e regular". (Via AFP)

- Para Moro, Bolsonaro esclareceu caso de ex-assessor
O futuro ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro se manifestou sobre o relatório que apontou movimentação atípica de R$ 1,2 milhão em uma conta do ex-policial militar Fabrício José Carlos de Queiroz, ex-assessor do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017. Moro sugeriu uma investigação sobre o caso, disse que Jair Bolsonaro já esclareceu a parte que lhe cabe no episódio, mas afirmou que não tem “esse papel” de comentar ou de interferir em casos específicos. (Via VEJA.com)

- Bolsonaro e Mourão são diplomados pelo TSE
O presidente eleito, Jair Bolsonaro, foi diplomado ontem pelo Tribunal Superior Eleitoral. Também participou da cerimônia o futuro vice do novo presidente, general Hamilton Mourão. O evento foi antecipado por conta da cirurgia de retirada da bolsa de colostomia de Bolsonaro, que está prevista para janeiro de 2019. No discurso, que durou cerca de 10 minutos, Bolsonaro falou a favor da democracia. Disse também que o processo do voto é “inquebrantável“. (Via Poder360)

- CNJ fecha ação contra Moro por ‘prende e solta’ de Lula
O corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, decidiu arquivar um procedimento contra Sérgio Moro, futuro ministro da Justiça do governo de Jair Bolsonaro (PSL), por não ter visto infração na decisão do então juiz de intervir para impedir a soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em julho. "Não há indícios de que a atuação do investigado Sérgio Moro tenha sido motivada por má-fé”, segundo o ministro. (Via BBC News Brasil)

MUNDO
- Após protestos, Macron aumenta salário mínimo na França
O presidente francês Emmanuel Macron fez um discurso televisivo na segunda-feira (10) em que respondeu às reivindicações dos manifestantes “coletes amarelos”. O chefe de Estado fez anúncios importantes, como um aumento de € 100 (cerca de R$ 400) no salário mínimo. Macron não quis, no entanto, voltar atrás em sua decisão de pôr fim ao Imposto de Solidariedade sobre a Fortuna, uma das principais demandas dos “coletes amarelos”. (Via RFI)

FUTEBOL
- Flamengo e Abel Braga se acertam; anúncio deve ser hoje
Após ser eleito novo presidente do Flamengo no último sábado, Rodolfo Landim acertou a chegada de Abel Braga ao clube da Gávea. O treinador deve ser anunciado nesta terça-feira. De acordo com apuração dos canais ESPN, o acordo já existe entre o clube e o treinador, mas o contrato ainda não foi assinado. (Via ESPN)

Nenhum comentário:

Postar um comentário