Coluna 2

Coluna 1

sábado, 22 de dezembro de 2018

Cantor Ray Brito falece em Santarém

Artista ficou conhecido na década de 70 pelo conjunto "Os Hippies" e foi integrante da Academia de Letras e Artes de Santarém (ALAS). O cantor Raimundo Brito, mais conhecido como Ray Brito, morreu em Santarém, no oeste do Pará, na noite da última quinta-feira, dia 20. O artista também integrou na década de 70 o conjunto "Os Hippies", comandado por Agostinho Fonseca (Tinho), famoso na cidade. Ray também foi integrante da Academia de Letras e Artes de Santarém (ALAS). O artista faleceu devido a um infarto na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), por volta das 22h30, após passar mal em casa. O cantor lançou 18 CDs e três LPs gravados e mais de 40 anos dedicados à atividade musical.
 Na noite de quinta-feira, dia 20, o artista postou uma foto no Facebook falando em lançar um novo álbum com a foto. Os amigos e fãs postaram recados de sentimentos e de despedida. Em nota a Academia de Letras e Artes de Santarém (ALAS) lamentou o falecimento do artista em Santarém.

 No dia 30 de junho de 2017, aos 66 anos de idade foi eleito membro vitalício da Academia de Letras e Artes de Santarém, como titular da cadeira numero 33, que tem como patrono o poeta Rui Paranatinga Barata. O corpo de Ray Brito está sendo velado na capela mortuária da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, no centro da cidade e o sepultamento será amanhã, em horário a ser definido pelos familiares.

A Prefeitura Municipal de Santarém também emitiu nota de pesar para a família. “Ray Brito, como era conhecido tinha uma das mais belas vozes de Santarém. Desde a década de 70 embalava festas e eventos no Município, sendo atração sempre confirmada nas programações oficiais de aniversários da cidade”, diz a nota. O corpo de Ray Brito está sendo velado na capela mortuária da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, no centro comercial de Santarém. O sepultamento será neste sábado (22) com horário a ser definido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário