Coluna 1

quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Policiais militares são presos por suspeita de integrar milícias em Belém. Vereador é procurado.

Sete policiais militares, um advogado, um vereador e ex-diretor da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito (Semutran) de Ananindeua são suspeitos de integrar grupos de extermínio e milícias na Região Metropolitana de Belém. Os nove mandados de prisão preventiva estão sendo cumpridos pela Polícia Civil desde a madrugada desta quinta-feira (19), durante a Operação Anonymous II, que tem por objetivo combater a atuação de milícias e grupos de extermínios que operam na RMB. Até o momento, dois policiais militares já foram presos. O verador alvo da ação é Hugo Athayde, do PSDB, ex-diretor da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte de Ananindeua. O parlamentar teve a prisão decretada e já é considerado foragido pela polícia. 

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje Quinta feira (19)

ECONOMIA
- PIS: Caixa paga abono para nascidos em setembro
A Caixa começa a pagar nesta quinta-feira (19) o abono salarial do PIS ano-base 2018 para trabalhadores de empresas privadas nascidos em setembro. Também será liberado o Pasep, pago para servidores públicos por meio do Banco do Brasil, para quem tem final da inscrição 2. O valor do abono é de até R$ 998, dependendo do período trabalhado durante o ano passado.

- Petrobrás eleva preço da gasolina e do diesel
A alta do preço do petróleo no mercado internacional chegou ao Brasil. A Petrobrás reajustou os valores da gasolina em 3,5% e o óleo diesel em 4,2% em suas refinarias. A revisão, que vale desde a zero hora desta quinta-feira (19), é uma reação ao atentado a refinarias na Arábia Saudita, que fez com que a commodity oscilasse até 20% na última segunda-feira. Para o consumidor, a alta de preço nas refinarias deve chegar em breve. A decisão de repassar ou não a alta para os motoristas nos próximos dias é de cada dono de posto, que vai considerar outros fatores, como demanda e concorrência. (Via Estadão)

quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Celpa recebe pedidos de ligações provisórias para o Çairé

A Celpa que, este ano, é patrocinadora Oficial do Çairé, está trabalhando para garantir a energia em toda a vila de Alter do Chão. Çairé é tempo de atrair milhares de turistas para Alter do Chão. Por toda a vila, nas praias e nos lagos, moradores da vila aproveitam para colocar à venda produtos da culinária local. A festa atrai também comerciantes que montam barracas e quiosques para o comércio de comidas e bebidas variadas. O período é bastante convidativo para um ganho extra. Mas, a Celpa alerta: é preciso cuidado com a energia elétrica para que o Çairé tenha sucesso garantido.
De acordo com Danilo Almeida, executivo da Gerência de Serviços Técnicos e Comerciais, é preciso ficar atento com o uso da eletricidade nos locais que utilizam ligações provisórias, para que as instalações sejam feitas dentro dos padrões de segurança.

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje quarta feira (18)

POLÍTICA
- Dodge pede que STF vete decretos de armas
No último dia do mandato, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, enviou na terça-feira (17) um parecer pedindo que o STF declare a inconstitucionalidade de seis decretos do governo Jair Bolsonaro que alteraram as regras de porte e posse de armas. Para Dodge, as alterações nas regras de posse e porte de armas em decretos assinados por Bolsonaro afrontam ‘o princípio da separação dos poderes’ e substituem o papel do Poder Legislativo ‘na tomada de decisão acerca da política pública sobre porte e posse de armas de fogo’. (Via Estadão)

 - Senado aprova apenas fundo eleitoral em reforma
O Senado Federal aprovou na terça-feira (17) substitutivo ao projeto da Câmara dos Deputados que alterava várias regras eleitorais. No texto produzido pelo relator, senador Weverton (PDT-MA), que foi aprovado simbolicamente, essas mudanças foram trocadas apenas pelo estabelecimento do fundo eleitoral - que também não teve um valor definido. O texto agora retorna à Câmara dos Deputados, que pode reconstituí-lo, e então segue para a sanção presidencial. Entenda o projeto. (Via Poder360)

terça-feira, 17 de setembro de 2019

Postos com preços abusivos por crise do petróleo podem ser penalizados, diz ANP

Postos de combustíveis que adotarem práticas abusivas de preço na esteira da crise do petróleo podem ser penalizados, afirmou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), em nota. Diante da crise na commodity após o ataque à Saudi Aramco, na Arábia Saudita, consumidores relataram à imprensa que alguns postos já estavam elevando os preços. A prática seguiria na contramão da decisão da Petrobras de não elevar o preço dos combustíveis nas suas refinarias

Mais de 100 militares do Exército reforçam combate às queimadas em Alter do Chão (PA)

Cerca de 115 militares do 8º Batalhão de Engenharia de Construção (BEC) do Exército, localizado em Santarém (PA), deslocaram-se para Alter do Chão, nesta segunda-feira (16), em auxílio ao combate às queimadas na região. Eles reforçam o trabalho de controle de focos de incêndio, iniciado por grupo de 35 militares do Exército e 15 integrantes do Corpo de Bombeiros Militar do Pará, no domingo (15). No total, 150 militares do 8º BEC serão empregados na região.

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje terça feira (17)

 POLÍTICA
- Após alta hospitalar, Bolsonaro diz que reassume nesta terça
Na contramão de informação dada pelo Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro afirmou na tarde de segunda-feira (16) que reassume a Presidência nesta terça-feira (17). A declaração foi dada ao chegar ao Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência da República, após 10 dias internado para procedimento cirúrgico realizado no abdômen. A informação do porta-voz da Presidência era a de que o presidente voltaria ao trabalho apenas na quarta-feira (18). (Via Poder360)

 - Senado vota projeto que abre brecha para caixa 2
O Senado pode votar nesta terça-feira (17) projeto de lei que afrouxa regras para partidos, abre brecha para o caixa 2 e dá margem ao aumento da quantidade de dinheiro público destinado às legendas, além de flexibilizar normas de prestação de contas. A proposta permite, ainda, que advogados e escritórios de contabilidade sejam pagos com dinheiro dos partidos. (Via Estadão)

segunda-feira, 16 de setembro de 2019

Celpa garante mais energia no Çairé de Alter do Chão

A busca dos mastros, no lago encantado, que acontece neste sábado, 14, é a primeira manifestação do povo da vila anunciando a chegada de uma das culturas mais tradicionais da Amazônia. Antes de começar a festa, a Celpa montou um esquema especial. Por toda a rodovia Everaldo Martins, que liga Santarém a Alter do Chão, a concessionária fez serviços preventivos. Galhos de árvores que cresceram demais e estavam próximas da fiação   elétrica, foram retirados. A megaoperação contou com equipes de diversas áreas da Celpa, inclusive a de Meio Ambiente. O objetivo é que não haja nenhuma falha no fornecimento de energia e a população (moradores, visitantes e turistas) possam curtir o Çairé com todo o conforto e segurança.
Equipes de manutenção pesada e leve estarão de prontidão para solucionar qualquer eventualidade, de forma rápida e segura, garantindo que o evento transcorra sem anormalidade”, reforça.

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje segunda feira (16)

- Receita paga hoje 4º lote de restituição do IR 2019
A Receita Federal paga nesta segunda-feira (16), a partir das 9 horas, o quarto lote de restituição do Imposto de Renda 2019. O lote também inclui restituições residuais de 2008 a 2018. Nessa etapa, 2.819.522 contribuintes têm direito à restituição, totalizando o valor de R$ 3,5 bilhões. Para consultar se foi contemplado, o contribuinte deve acessar o site da Receita, o aplicativo ou ligar para o Receitafone, no número 146. (Via Exame.com)
Baixe o novo app Microsoft Notícias agora no iOS e Android

GOVERNO
- Reforma da Previdência avança no Senado
O prazo para que os senadores apresentem emendas ao texto principal da Reforma da Previdência termina nesta segunda-feira (16). A estimativa do relator, Tasso Jereissati, é que deverá levar até 48 horas para apresentar seu parecer sobre os pedidos de mudança. Já as emendas para a Proposta de Emenda à Constituição paralela podem ser apresentadas até quarta-feira (18). Após a apresentação das emendas, ambos os projetos retornarão à Comissão de Constituição e Justiça para a palavra final do relator. A expectativa é que o projeto principal da reforma seja votado em 24 de setembro no plenário em 1º turno. (Via Poder360)

sábado, 14 de setembro de 2019

Mega-Sena sorteia prêmio acumulado de R$ 100 milhões neste sábado

Mega-Sena sorteia neste sábado, 14, o prêmio de R$ 100 milhões, acumulado há 11 edições. O sorteio do concurso 2.188 será realizado a partir das 20h. No dia 7 de agosto, um apostador do Rio de Janeiro levou sozinho R$ 30 milhões no prêmio da Mega-Sena do concurso 2.176. Os números sorteados no concurso foram: 08, 23, 25, 39, 43 e 44. A Mega-Sena paga milhões para o acertador dos 6 números sorteados. Ainda é possível ganhar prêmios ao acertar 4 ou 5 números dentre os 60 disponíveis no volante de apostas. 

29 anos do Código de Defesa do Consumidor. Conheça os seus direitos

Muitas mudanças na relação de comportamento e consumo foram provocadas pela criação do Código de Defesa do Consumidor (CDC), que completou 29 anos de atuação na mesma semana em que é comemorado o Dia do Cliente, neste domingo (15). A afirmação é do presidente da Comissão de Defesa dos Direito do Consumidor da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PA), Bernardo Mendes. Segundo o especialista, o CDC é uma legislação muito específica e que caiu no conhecimento popular, sendo esta uma de suas importâncias. “Quando o Código foi criado e entrou em vigência, trouxe garantias que não existiam, como o prazo para troca de produtos, devoluções, direito de reclamar e muitos outros. Acredito que, ao longo dessas quase três décadas, um dos pontos essenciais é que grande parte das pessoas tem ciência e acesso a esses direitos”, disse ele.

STJD aceita pedido do Paysandu para cancelar partida contra o Náutico

Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) acatou à reivindicação do Paysandu e o pedido de impugnação da partida contra o Náutico. O STJD pede para que a CBF não homologue o resultado.  A informação foi confirmada por um documento do STJD. Leia o trecho: "O pedido de impugnação está corretamente dirigido ao Presidente do STJD, protocolado no prazo legal (artigo 85 do CBJD) e assinado por procurador com poderes especiais, acompanhado de provas e com pagamento dos emolumentos, com pedido previsto no inciso II do artigo 84 do CBJD.

sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Inscrições para concurso do Hemopa terminam na próxima segunda (9)

São ofertadas 68 vagas efetivas de níveis médio e superior, além de formação de cadastro de reserva. As inscrições para o concurso do Hemopa terminam na próxima segunda-feira (9). O certame tem provimento de 68 cargos efetivos de níveis médio e superior e formação de cadastro de reserva. Os candidatos interessados podem acessar este link para fazer a inscrição. Para o cargo de assistente social, foram lançadas seis vagas para ampla concorrência e uma reservada às pessoas com deficiência, além de cadastro de reserva. A remuneração é de R$ 3.345,14.

Decisão sobre anulação do jogo entre Náutico e Paysandu sai hoje, confirma presidente do STJD

A sexta-feira (13), mística para alguns, se tornou a mais importante do ano para o Paysandu. O clube alviceleste terá hoje a decisão do presidente do STJD, Paulo César Salomão Filho, se acata ou não o pedido do clube de anulação da partida contra o Náutico-PE, ocorrida no domingo (8), no estádio dos Aflitos, pela Série C. Em entrevista ao “Super Sportes Pernambuco”, o presidente do STJD confirmou que o resultado será dado ao final do dia de hoje e que ainda analisa a situação.   “Ainda não consegui analisar o caso. O que estou sabendo é pela imprensa. Só amanhã (hoje), no final do dia, devo dar um parecer”, disse.

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje

ECONOMIA
Saques de até R$ 500 do FGTS começam hoje
A Caixa Econômica Federal inicia nesta sexta-feira (13) o pagamento de até R$ 500 por conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O valor será depositado automaticamente para pessoas nascidas em janeiro, fevereiro, março e abril, que têm conta poupança na Caixa. Os repasses serão feitos até 31 de março de 2020, conforme a data de nascimento dos beneficiários. Segundo a Caixa, cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança. (Via Exame.com)
Saque de R$ 500 do FGTS vira ‘isca’ para golpes

 RIO DE JANEIRO
- Incêndio em hospital deixa ao menos 11 mortos
Um incêndio de grandes proporções atingiu o hospital Badim, na Tijuca, bairro da zona norte do Rio de Janeiro, no fim da tarde e início da noite de quinta-feira. Ao menos onze pessoas morreram, de acordo com informação passada pela Defesa Civil ao canal ‘GloboNews’. Uma morte foi confirmada durante a noite e outros dez corpos, ainda não identificados, foram retirados do local durante a madrugada desta sexta. Segundo a assessoria de comunicação do hospital, um curto-circuito ocorreu no gerador do prédio 1, espalhando fumaça para todos os andares do prédio. (Via VEJA.com)

quinta-feira, 12 de setembro de 2019

Pará Casos de dengue sobem 33% no Pará

Em oito meses, foram registrados 4.429 casos no Estado. O Ministério da Saúde informou ontem que, de 30 de dezembro de 2018 a 24 de agosto deste ano, foram registrados 4.429 casos de dengue no Estado do Pará. A média é de 12 casos por dia e representa um aumento de 32,9%, na comparação com 2018. No ano passado, o período somou 3.332 notificações, portanto, um incremento de 1.097 ocorrências nestes oito meses. Com o aumento das notificações, a taxa de incidência da doença atual no Pará, que considera a proporção de casos para o número de habitantes, é de 52,0 casos para cada 100 mil habitantes - ante 39,1 do mesmo período de 2018.

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje quinta feira (12)

Bolsonaro determina CPMF fora da reforma tributária
O presidente Jair Bolsonaro anunciou, por meio de sua conta no Twitter, que não haverá a ‘recriação da CPMF ou qualquer aumento de carga tributária’. Segundo ele, estes não são os objetivos da reforma tributária. O político disse também que o que motivou a demissão de Marcos Cintra da chefia da Receita Federal foram as divergências em torno do projeto que o governo deve encaminhar à Câmara dos Deputados. Saiba como fica a reforma sem a CPMF. (Via VEJA.com e Estadão)

Baixe o novo app Microsoft Notícias agora no iOS e Android
- Senado altera Lei das Telecomunicações
Após mais de três anos em tramitação no Congresso, o Senado aprovou na noite de quarta-feira (11) o projeto que atualiza o marco legal das telecomunicações no País. A proposta segue agora para sanção presidencial. O projeto permite que as empresas que fornecem serviços de telefonia fixa migrem do regime de concessões para o de autorizações, em que há preços livres, já praticado nos serviços de telefonia celular, TV por assinatura e internet. Com a mudança, as empresas não precisarão mais assumir obrigações como a universalização dos serviços e a instalação de orelhões. Em troca, assumem compromissos de investimentos. (Via VEJA.com)

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Celpa oferece cursos nas áreas de saúde e beleza para clientes de Santarém

As capacitações são oferecidas aos clientes e iniciam na próxima segunda-feira,16 Clientes a partir de 18 anos, com ensino médio completo, podem se inscrever nos cursos de Cuidador de Idosos e Manicure e Pedicure que estão sendo oferecidos gratuitamente pela Celpa, por meio do projeto Energia Profissional. As inscrições estão sendo feitas na Subestação Santarém, localizada na avenida Tocantins, bairro Prainha, de 08h às 17h. Para se inscrever, basta apresentar os documentos de Identidade, CPF e o número da Conta Contrato, que consta bem acima da conta de energia.

Chefe do Ibama no Pará é demitido após dizer que iria parar queima de máquinas

 Demissão de Santos foi publicada no Diário Oficial da União, nesta quarta-feira (11). O Ministério do Meio Ambiente demitiu o chefe do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) no Pará, Evandro Cunha dos Santos, pouco mais de uma semana após sua nomeação, depois que o superintendente anunciou que interromperia a queima de máquinas apreendidas em operações de combate ao garimpo ilegal. A demissão de Santos, que fora nomeado para o cargo pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, no dia 2 de setembro, foi publicada no Diário Oficial da União, nesta quarta-feira (11).

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje quarta feira (11)

ECONOMIA
Funcionários dos Correios entram em greve
Sindicatos que representam os funcionários dos Correios decidiram em assembleias pelo país por iniciar greve na terça-feira (10), a partir das 22h. O movimento será por tempo indeterminado e todos os serviços dos Correios serão afetados. A categoria prega que o objetivo é defender os direitos conquistados em anos de lutas, os salários, os empregos, a estatal pública e o sustento da família. (Via VEJA.com)

- Governo quer nova CPMF com alíquota de até 0,40%
O secretário adjunto da Receita, Marcelo Silva, confirmou que o governo vai enviar a proposta de criação da Contribuição sobre Pagamentos para reduzir gradualmente os impostos que as empresas pagam sobre a folha de salário dos funcionários. A alíquota do novo tributo, nos moldes da extinta CPMF, será de 0,20% no débito e crédito financeiro e de 0,40% no saque e depósito em dinheiro. (Via Estadão)

sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje sexta feira(06)

POLÍTICA
Presidente indica Augusto Aras para o cargo de PGR
O presidente Jair Bolsonaro decidiu na quinta-feira (5) indicar o subprocurador Augusto Aras para substituir Raquel Dodge e assumir a Procuradoria Geral da República. Ao longo das últimas semanas, Bolsonaro já sinalizava Aras como o seu nome preferido para ocupar o cargo. A escolha de Aras vinha sendo criticada por parte do eleitorado de Bolsonaro, que define o novo PGR como esquerdista. Augusto Aras, que sempre foi adversário de Dodge na procuradoria, terá o papel de tentar reconstruir a Lava Jato. Saiba quem é Augusto Aras. (Via Poder360 e BBC News Brasil)

 - Bolsonaro sanciona Lei de Abuso com vetos
O presidente Jair Bolsonaro decidiu na quinta-feira vetar 19 itens do projeto que endurece a punição a juízes e procuradores por abuso de autoridade. A decisão de suprimir trechos da lei aprovada pelo Congresso foi tomada após uma série de consultas aos ministros da Justiça, Sergio Moro, e da Secretaria-Geral da Presidência, Jorge Oliveira. Também foram consultadas a Advocacia-Geral da União (AGU) e a Controladoria-Geral da União (CGU). (Via VEJA.com)

Zona Norte de Santarém recebe Caravana de Negociação da Celpa

Os moradores da zona Norte de Santarém, oeste do Pará, que estão em dívidas com a Celpa, terão a oportunidade de negociar em mais uma edição da Caravana de Negociação da Celpa – Muito Melhor Pra Você, que ocorre nesta sexta-feira, 6 de setembro na Escola Municipal Sofia Imbiriba, no bairro da Liberdade. Os serviços terão início às 8h30 e se estendem até às 11h30.

quinta-feira, 5 de setembro de 2019

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje quinta feira (05)

POLÍTICA
- Bolsonaro anuncia hoje vetos à Lei de Abuso
O presidente Jair Bolsonaro (PSL) deve sancionar, com nesta quinta-feira (5), com vetos, o Projeto de Lei de abuso de autoridade. Conforme o ‘Blog do Correio’ apurou, a quantidade de vetos ao PL que define 37 situações que configuram crimes de abuso de autoridade, pode ultrapassar as duas dezenas. Na terça-feira (3), o presidente disse que chegariam a ‘quase 20’. Contudo, o blog apurou na quarta que o número ultrapassa a marca de 20. (Via Correio Braziliense)

- CCJ do Senado aprova reforma da Previdência 
A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou na quarta-feira (4) a reforma da Previdência por 18 a 7. Agora, a proposta segue para análise no plenário da Casa, onde precisa receber, ao menos, 49 votos favoráveis. Mais cedo, o relator do projeto, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), fez uma complementação ao seu relatório alterando novos pontos, entre eles, estabeleceu que nenhum benefício de pensão por morte poderá ser inferior a um salário mínimo. (Via Poder360)

terça-feira, 3 de setembro de 2019

Planalto pretende apresentar PEC para mudar estabilidade do funcionalismo

O governo federal planeja apresentar uma proposta de emenda à Constituição (PEC) que estabeleça novas regras à estabilidade dos servidores públicos. Nesta terça-feira (3/9), o secretário especial adjunto de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Gleisson Rubin, anunciou que existe a possibilidade de o Planalto incluir as alterações no texto da reforma administrativa do poder público, e posteriormente, encaminhá-las ao Congresso Nacional.

Náutico vende quase a metade dos ingressos para o jogo contra o Paysandu na Série C

Jogo será no domingo (8), às 18h, no estádio dos Aflitos, em Recife (PE). O Náutico-PE iniciou as vendas para o jogo contra o Paysandu, pela partida de volta das quartas de final da Série C. O time pernambucano divulgou uma parcial de vendas e quase metade da capacidade do estádio dos Aflitos já foi comercializada O Timbu informou através das redes sociais que 8.852 ingressos já foram vendidos para o jogo decisivo. Os bilhetes variam de valor entre R$100, R$50, R$40 e R$30, incluindo venda para sócios do clube. Ao todo o Estádio dos  Aflitos possui capacidade para 22. 856 torcedores.

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje terça feira (03)


- Novo corte no MEC já afeta 11,8 mil bolsas de pós 
O governo Jair Bolsonaro anunciou o corte de mais 5.613 bolsas de pós-graduação que seriam ofertadas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) a partir de setembro. O congelamento, que passa a vigorar neste mês, soma-se a outras 6.198 bolsas que haviam sido bloqueadas no primeiro semestre de 2019. Ao todo, as 11.811 bolsas cortadas correspondem a 5,57% do total de vagas ofertadas pelo sistema neste ano. (Via Estadão)

- Bolsonaro: ‘Terras indígenas causam ingovernabilidade’
O presidente Jair Bolsonaro disse que o Brasil está ‘quase na ingovernabilidade no tocante às reservas’, fazendo referência a territórios indígenas reconhecidos. ‘A intenção dessas grandes reservas, e isso sempre se discutiu na ONU, é que, pela autodeterminação dos povos indígenas, seriam novos países no futuro’, afirmou. A declaração ocorreu em entrevista à atriz e youtuber Antonia Fontenelle, apoiadora do presidente nas redes sociais, gravada na última sexta-feira e divulgada na segunda-feira (2). O presidente voltou a afirmar que países, ‘como a Alemanha, em especial’, estavam ‘comprando o Brasil via Fundo Amazônia’. (Via Estadão)

segunda-feira, 2 de setembro de 2019

Pará recebe comissão interministerial para dialogar sobre o meio ambiente

Governadores da Amazônia Oriental se reúnem, neste momento, com uma comitiva formada por nove ministros e coordenada pelo chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, realizada no Hangar Centro de Convenções da Amazônia. O ministro informou que o encontro foi uma decisão do presidente da República, Jair Bolsonaro, que recebeu, na última semana, os representantes dos estados.

Governador do Pará, Helder Barbalho, foi o primeiro a explanar sobre a realidade na Amazônia e o plano síntese de ações para o desenvolvimento sustentável do Estado. Foram apresentadas seis ações imediatas e estruturantes para a região. "Precisamos agir para não viver futuramente com essa realidade. O que acontece em 2019 se difere pela ampliação dos registros, porém não é possível afirmar que os incêndios e as queimadas na Amazônia tenham começado esse ano", pontuou.

Juíza vê 'ousadia' de fazendeiros em queima de mais de seis mil 'Maracanãs' no Pará

Magistrada mandou prender fazendeiros por danos em área de proteção ambiental, poluição e queimadas, em associação criminosa. Os três fazendeiros do Pará que foram alvos de operação da Polícia Civil na última quinta, 29, são investigados pelo desmatamento e queimada de mais de 5.574 hectares de floresta pertencente à área de proteção ambiental Triunfo do Xingu, diz a polícia. A área corresponde a 6.193 vezes o estádio do Maracanã.

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje segunda feira (02)

POLÍTICA
Reprovação ao governo sobe para 38%
De acordo com pesquisa nacional divulgada pelo Instituto Datafolha nesta segunda-feira (2), a reprovação ao governo do presidente Jair Bolsonaro (índice de pessoas que consideram a administração ruim ou péssima) chegou a 38%, um aumento percentual de cinco pontos em relação ao último levantamento divulgado pelo instituto, em julho. Uma parcela de 30% dos entrevistados classifica o governo como ‘regular’ e 29% o consideram ‘bom’ ou ‘ótimo’. (Via VEJA.com)

- Ministros se reúnem na Amazônia com governantes 
Começa nesta segunda-feira (2) a viagem da comitiva ministerial que vai se reunir com os governadores da Região Amazônica. Os encontros devem ocorrer em duas etapas: em Belém, nesta segunda-feira, e em Manaus, na terça-feira. Na semana passada, os governadores dos estados que compõem a Amazônia Legal entregaram ao presidente Bolsonaro propostas para um planejamento estratégico que leve ao desenvolvimento sustentável da região. (Via Exame.com)

sábado, 31 de agosto de 2019

Aneel mantém bandeira tarifária vermelha patamar 1 em setembro

A bandeira vermelha pode ser acionada em um dos dois níveis cobrados. No primeiro nível, o adicional é de R$ 4,00 a cada 100 kWh. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou a manutenção da bandeira tarifária vermelha em seu primeiro patamar no mês de setembro. Com isso, as contas de luz continuam com taxa extra de R$ 4,00 a cada 100 quilowatts-hora consumidos (kWh). Essa é a bandeira tarifária em vigor desde o início deste mês.

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

Arqueólogo lança livro sobre história e exploração da terra preta em Santarém

 
A história, a destruição desenfreada e os desafios de preservação dos sítios arqueológicos formados por terra preta, ricos em fragmentos pré-coloniais que remontam à ocupação humana na Amazônia, são apresentados no livro "Terra Preta - Passado, Presente e Futuro", do arqueólogo, jornalista e fotógrafo Edvaldo Pereira. Editada pela Imprensa Oficial do Estado em 2018, quando foi lançada no Salão do Livro do Baixo-Amazonas, em Santarém, a obra terá relançamento em Belém nesta sexta-feira (30), às 18h30, na 23ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes, no Hangar - Centro de Convenções e Feiras da Amazônia.

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje sexta feira (30)

POLÍTICA
Bolsonaro diz que dinheiro do G7 é ‘esmola’
Em transmissão nas redes sociais na quinta-feira (29) o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender que não há anormalidade nas queimadas da Amazônia e que, se depender dele, novas demarcações de terras não serão feitas. Bolsonaro ainda disse que o presidente da França, Emmanuel Macron, fez um escarcéu e o acusou de mentiroso na reunião do G7. Bolsonaro chegou a chamar de ‘esmola’ a ajuda oferecida pelos países do G7 para combater a crise ambiental na Amazônia Legal. (Via Estadão)

- Senado anuncia instalação de CPMI das fake news
A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito que, entre outros assuntos, vai apurar notícias falsas durante as eleições de 2018, a CPI das Fake News, será instalada na próxima semana, anunciou, na quinta-feira, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre. Ele adiantou que a presidência do colegiado caberá a um senador, e relatoria será de um deputado. Os escolhidos serão anunciados já na próxima na segunda-feira (2). (Via Correio Braziliense)

quinta-feira, 29 de agosto de 2019

Polícia prende servidores do Detran acusados de associação criminosa

 Oito pessoas foram presas. A Polícia Civil deflagrou, nesta quinta-feira (29), a operação denominada Tártaro para desarticular uma associação criminosa formada por servidores públicos do Detran do Pará, despachantes e outras pessoas investigadas pela venda de lacres de placas automotivas para posterior revenda de veículos. Ao todo, oito prisões foram cumpridas, além de mandados de busca e apreensão, em Belém e região metropolitana. Sob coordenação do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil (NIP), a operação conta com 22 equipes formadas por cerca de 80 policiais civis das Diretorias de Combate à Corrupção (DECOR), de Polícia Metropolitana (DPM), de Polícia Especializada (DPE) e do GPE (Grupo de Pronto-Emprego), grupamento tático da Polícia Civil. Os resultados da operação foram levados para o prédio da Delegacia-Geral, em Belém.

Governo proíbe queimadas em todo o Brasil no período da seca

Decreto foi publicado no 'Diário Oficial da União" nesta quinta-feira. O governo federal decidiu proibir as queimadas em todo o país durante o período da seca, com um decreto editado na última quarta-feira (28) e publicado na edição desta quinta-feira (29) do “Diário Oficial da União”. O decreto suspende a permissão do emprego do fogo por um período de 60 dias com o objetivo de proteção ao meio ambiente.
O Código Florestal permite as queimadas somente em casos específicos e desde que autorizadas por órgão ambiental. No caso dos povos indígenas, a prática é permitida na agricultura de subsistência.

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje quinta feira (29)

AMAZÔNIA
 Governo proíbe queimadas por 60 dias em todo o País
O governo federal decidiu proibir por sessenta dias a permissão para queimadas em todo o território nacional. A medida deve ser publicada nesta quinta-feira (29), no Diário Oficial da União. O Código Florestal permite queimadas em casos específicos, autorizados por órgão ambiental. A medida foi anunciada em meio à crise ambiental por queimadas na Amazônia. (Via Estadão)

Os Estados Unidos não concordaram com um pacote de ajuda de emergência de US$ 20 milhões (R$ 83 milhões) para ajudar a combater incêndios na Amazônia anunciado pelo presidente francês, Emmanuel Macron, na cúpula do G7, disse ontem um porta-voz do Conselho de Segurança Nacional dos EUA. O porta-voz Garrett Marquis disse que os EUA estão prontos para ajudar o Brasil a combater as chamas e que isso será feito de melhor maneira em coordenação com o governo brasileiro. (Via Forbes)

segunda-feira, 26 de agosto de 2019

Empate classifica Paysandu; Remo está fora da Série C

O Papão terminou na quarta posição e o Remo caiu para a quinta posição por causa da vitória do Ypiranga em cima do Juventude. Papão enfrenta o Náutico-PE na fase mata-mata. O Paysandu empatou com o Remo em 1 a 1 e se classificou para a fase mata-mata da Série C do Brasileirão. Já o Leão foi eliminado da competição, pois o Ypiranga venceu o Juventude por 1 a 0, no Alfredo Jaconi, terminando a fase na liderança do grupo B.
No Re-Pa número 749, os azulinos sairam na frente no placar, com gol de Wesley. Os bicolores conseguiram marcar no segundo tempo, deixando tudo igual no Mangueirão, com gol de Vinícius Leite.

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje segunda feira (26)

  AMAZÔNIA
Ação militar na Amazônia começa com 400 homens
De um total de 44 mil homens, efetivo das Forças Armadas disposto na Amazônia, cerca de 400 vão atuar inicialmente nas operações iniciadas ontem na região para dar combate a incêndios, atender a população exposta a risco, e reprimir os ilícitos ambientais – desmatamento ilegal, queimadas irregulares e garimpos clandestinos. As três primeiras organizações designadas são do Estado de Rondônia. O Palácio do Planalto informou ontem que serão liberadas nos próximos dias as primeiras parcelas dos R$ 28 milhões que servirão para pagar as contas da atividade extraordinária. (Via VEJA.com)

- Crise fica mais internacional com G7 e ONU
O domingo (25) terminou com a questão da Amazônia ganhando ainda mais contornos internacionais, com uma promessa de ajuda do G7 a todos os países da região, com o apoio de Israel ao governo brasileiro e com o anúncio pelo governo da Colômbia de levar à Assembleia Geral da ONU (Organização das Nações Unidas) em setembro a proposta de um pacto regional pela preservação da região. (Via VEJA.com, Estadão e Correio Braziliense)

sábado, 24 de agosto de 2019

Bolsonaro diz que incêndios não podem gerar sanções ao Brasil

O presidente Jair Bolsonaro fez um pronunciamento em cadeia nacional de rádio e televisão, na noite de ontem (23), para anunciar medidas de combate aos incêndios e ao desmatamento na Amazônia. Nesta sexta-feira, o governo autorizou a atuação das Forças Armadas na região, caso seja solicitada pelos governadores. Ele argumentou que incêndios florestais ocorrem em outras partes do mundo e não podem gerar sanções internacionais ao Brasil.  "Incêndios florestais existem em todo o mundo. Isso não pode ser pretexto para possíveis sanções internacionais. O Brasil continuará sendo, como foi até hoje, um país amigo de todos e responsável pela proteção de sua Floresta Amazônica", afirmou.  

sexta-feira, 23 de agosto de 2019

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje sexta feira (23)

AMAZÔNIA
- Governo cria gabinete de crise para Amazônia
Após reunião com ministros no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro criou um gabinete de crise para lidar com a situação da Amazônia. Sofrendo com queimadas de grandes proporções, a floresta se tornou motivo de trocas de acusações entre Brasil e França na quinta-feira (22). O ministério do Meio Ambiente informou que divulgará nota sobre as ações que devem ser implementadas pelo novo gabinete de crise. O Ibama autorizou a Prevfogo – centro ligado ao instituto, especializado no controle de queimadas – a contratar brigadistas federais para atuar em regiões afetadas. (Via Correio Braziliense e VEJA.com)

- ONU se manifesta e Macron pede ação sobre a Amazônia
O presidente da França, Emmanuel Macron, chamou a situação das queimadas na Amazônia de ‘crise internacional e afirmou que o tema deve ser discutido em reunião desta semana no G7 (grupo de países ricos, formado por Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido). Já o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, se mostrou ‘profundamente preocupado’ com o problema na floresta. (Via Estadão)