Coluna 2

Coluna 1

quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

Mais Médicos chama 1,7 mil inscritos a comparecerem a localidades até esta quinta

Pará ainda tem 243 postos abertos: após convocação, vagas de desistentes passam a registrados no exterior. Os 1.707 médicos profissionais com registro (CRM) brasileiro que escolheram localidades como candidatos inscritos na segunda chamada do edital do Programa Mais Médicos têm até esta quinta-feira (10) para comparecerem aos novos postos nos municípios onde irão atuar. Das 308 vagas disponíveis no Pará na chamada do último edital do Mais Médicos, apenas 65 foram ocupadas. As outras 243, que representam 78,9% do total, seguiam em aberto após o balanço do Ministério da Saúde divulgado dia 26 de dezembro.
 LEIA MAIS:


A convocação desses candidatos após publicação em novo edital começou na segunda-feira (7/1), após ser iniciada outra etapa, que ofertou 2.549 vagas em 1.197 municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI). Ao todo, apenas 1.707 profissionais com registro brasileiro escolheram localidades em todo o País. Com isso, ainda permanecem abertas 842 vagas em 287 municípios e 26 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs) vinculados ao Ministério da Saúde (MS).

Com o fim desse prazo, espera-se um novo balanço do edital do MS para que os outros profissionais sejam convocados a partir de 23 de janeiro e até dia 31, para escolherem as vagas restantes disponíveis, de acordo com o calendário do edital: médicos brasileiros formados no exterior e  médicos estrangeiros formados no exterior.

DESISTÊNCIAS
"Aqueles que decidirem não trabalhar no Programa Mais Médicos devem informar a gestão municipal, que comunicará a desistência ao Ministério da Saúde. Ao término do prazo de apresentação, a pasta realizará um novo balanço das vagas. As vagas que não forem ocupadas serão recolocadas no sistema, para que outros profissionais tenham chance de escolhê-las", comunicou esta semana o Ministério da Saúde.

A próxima chamada do Programa Mais Médicos está marcada para os dias 23 e 24 de janeiro, para profissionais brasileiros formados no exterior. Nos dias 30 e 31 de janeiro, os médicos estrangeiros terão acesso ao sistema para optarem pelas localidades com vagas em aberto.

OUTROS INSCRITOS
Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil recebeu 10.205 inscrições de profissionais brasileiros e estrangeiros formados no exterior (sem registro no Brasil), dispostos a participarem do Programa Mais Médicos. O prazo para o envio da documentação dos profissionais encerrou em dezembro de 2018 e estão em análise pelo MS.

Criado em 2013, o Programa Mais Médicos tem como objetivo ampliar a assistência na atenção básica no Brasil, fixando médicos nas regiões com maiores carência de profissionais. O programa conta com 18.240 vagas em mais de quatro mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas, prevendo levar assistência a cerca de 63 milhões de brasileiros.

MAIS MÉDICOS
Veja o cronograma das próximas etapas do novo edital:
- De 07/01 a 10/01 – Apresentação nos municípios dos médicos com registro no Brasil; - De 23/01 a 24/01 – Médicos brasileiros formados no exterior escolhem vagas disponíveis; - De 30/01 a 31/01 – Médicos estrangeiros formados no exterior escolhem vagas disponíveis;

Nenhum comentário:

Postar um comentário