Coluna 1

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Virou moda: Ex-repórter da Band processa apresentador Datena por assédio sexual

Repórter Bruna Drews diz que sofreu grave quadro de depressão e pânico. O apresentador José Luiz Datena, 61 anos, foi acusado de assédio sexual pela ex-repórter da Band Bruna Drews, 35 anos. A informação foi divulgada pelo site Notícias da TV. A denúncia foi protocolada no Ministério Público de São Paulo. Um dos assédios do apresentador teria acontecido em uma confraternização em um bar no dia 7 de junho do ano passado, quando a equipe comemorava o fim das gravações do quadro do programa “Agora É com Datena”. A jornalista diz que Datena teria afirmado que ela “não precisava emagrecer porque já era muito gostosa”. Ele teria dito ainda ter se ‘tocado’ pensando nela e achava um “desperdício ela namorar uma mulher”.

Em outro momento, Datena teria sentado ao lado de Bruna Drews e quando as outras pessoas foram embora, o apresentador teria iniciado as conversas inadequadas. De acordo com o site Notícias da TV, uma testemunha que não quer revelar seu nome garante que ouviu as palavras e irá depor contra o apresentador.

A ex-repórter decidiu processá-lo agora porque apresentou um grave quadro de depressão 
 e pânico depois do assédio. Ela também afirma que o ocorrido a fez desistir da profissão de repórter. A profissional está de licença médica desde o mês de julho. Drews também está movendo uma ação trabalhista contra a Band. Segundo a moça, a emissora teria sido conivente com as atitudes de Datena.

Ao site, o apresentador Datena negou as acusações e citou testemunhas que garantem não terem visto qualquer conversa desse tipo entre os dois. “Um dia, durante as gravações do quadro A Fuga, ela estava muito magra, passou mal e eu pedi para que ela fosse atendida. Na comemoração, repeti a ela que ela era muito bonita e que não precisava emagrecer, porque ela já era competente. Tirando isso, todo o resto é mentira, calúnia e delírio”, falou.

Datena ainda colocou em dúvida a sanidade mental da ex-colega. “Naquela dia, ela estava bebendo e pedi para levarem ela para casa”. Por sua vez, ela garante que bebeu apenas dois copos de cerveja, enquanto o colega de trabalho bebeu uísque.

Nenhum comentário:

Postar um comentário