Coluna 1

domingo, 17 de fevereiro de 2019

Remo e Paysandu disputam primeiro clássico do ano neste domingo

Após várias polêmicas envolvendo o Mangueirão, Remo e Paysandu finalmente se enfrentam hoje, às 16 horas, em partida válida pela quarta rodada do Parazão. Os dois times precisam da vitória para se firmarem na competição. Para o Remo, vencer o Clássico da Amazônia de Nº 745 significa mostrar que tudo voltou ao normal após a eliminação da Copa do Brasil. Já o Paysandu deseja vencer para mostrar que está bem e pode chegar longe na competição, após amargar um empate sem gols na semana passada. Além disso, também é a chance dos bicolores deixarem para trás as quatro derrotas que tiveram em 2018, algo que é constantemente lembrado pela torcida rival. 
Apesar de eliminação na Copa do Brasil, o que custou cara para os cofres do Leão, o Remo está bem no Parazão. Em três jogos, três vitórias e 100% de aproveitamento na competição. É o líder do Grupo A1 com nove pontos. O Paysandu também acumula um bom resultado na competição.

Em três jogos, foram duas vitórias e um empate, este no último jogo do Parazão contra o Castanhal. O Papão soma sete pontos na competição e ocupa o segundo lugar do Grupo A2. Vencer o Remo hoje, às 16 horas, no Mangueirão, ainda vai ajudar o Paysandu a voltar para a liderança no grupo.
 
São tantas coisas em jogo, que o torcedor que for ao Estádio Olímpico do Pará talvez não vai se arrepender.  Os 35 mil torcedores podem contar que a partida será disputada. Lembrando que esse é apenas o primeiro Re-Pa de 2019. Outros ainda estão programados para o resto do ano. Mas a primeira vez sempre é lembrada e nenhum time que fazer feio perante a torcida. 
SUB- Remo
 
O Remo precisa juntar os cacos e seguir em frente após se eliminado da Copa do Brasil. Nada melhor que um Re-Pa para mostrar que o time está vivo e que pode trazer muitas alegrias para o torcedor azulino. Para o jogo contra o Paysandu, o Remo teve apenas dois dias para treinar. Um deles foi na sexta-feira e no Mangueirão. O treino foi fechado. 

O técnico João Nasser, o Netão, precisou verificar qual o melhor time para neutralizar o Paysandu. Pela primeira vez, Netão comanda o Leão em um clássico, seu time do coração e de toda a sua família. Mais um motivo para conseguir a primeira vitória azulina em cima do alviceleste em 2019 e manter a invencibilidade conquistada no ano passado, de quatro jogos sem perder. Este seria o quinto.
 
Para a partida, Netão pode voltar com o Remo mais ofensivo. Assim, a aposta é que o Remo pode entrar em campo com Vinícius; Geovane, Mimica, Vacaria e Tiago Félix; Robson, Diogo Sodré e Echeverria; Henrique, David Batista e Gustavo.
SUB - Paysandu
 
Diferente do Remo, o Paysandu teve uma semana cheia para treinar. Após o empate sem gols com o Castanhal, o técnico João Brigatti começou a pensar qual time que vai montar para neutralizar o Leão. Foi uma semana testando muitas formações. Sexta e sábado, os treinos foram fechados para a imprensa.
 
No treino de quarta realizado no Mangueirão, o técnico deu pistas de como a equipe pode se formar. A aposta é manutenção da base do mesmo time que empatou sem gols com o Castanhal. O técnico bicolor pode trocar o meio-campo, colocando Alan Calbergue no lugar de Marcos Antônio. O técnico bicolor ainda tem disponível o meia Thiago Primão, que após dois meses está apto para jogar o Parazão. Caso não comece, Primão é opção para o segundo tempo. Perema, jogador regional e querido pela torcida, está cuidando do joelho esquerdo e deve ficar de fora do confronto.
 
Assim, o Paysandu pode jogar com Mota; Bruno Oliveira, Micael, Victor Oliveira e Bruno Collaço; Johny Douglas, Marcos Antônio (Alan Calbergue) e Leandro Lima (Thiago Primão); Vinícius Leite, Paulo Rangel e Nicolas. 

INFO - Histórico do Re-Pa
Número de jogos: 745
Vitórias do Remo: 261
Empates: 252
Vitórias do Paysandu: 232
Gols do Remo: 948
Gols do Paysandu: 943
Remo tem 29 vitórias a mais que o Paysandu
Paysandu  tem 47 títulos do Parazão
Remo tem 45 títulos do Parazão

FICHA TÉCNICA
Remo x Paysandu
4ª rodada do Campeonato Paraense
Local: Estádio do Mangueirão - Belém (PA)
Hora: 16 horas
Árbitro: Dewson Fernando Freitas (Fifa)
Assistentes: Márcio Gleidson Dias e Rafael Ferreira Vieira
Transmissão: Radio Liberal AM, TV Cultura, lance a lance de O Liberal.com

Remo: Vinícius; Geovane, Mimica, Vacaria e Tiago Félix; Robson, Diogo Sodré e Echeverria; Henrique, David Batista e Gustavo.
Técnico: João Nasser

Paysandu: Mota; Bruno Oliveira, Micael, Victor Oliveira e Bruno Collaço; Johny Douglas, Marcos Antônio (Alan Calbergue) e Leandro Lima (Thiago Primão); Vinícius Leite, Paulo Rangel e Nicolas
Técnico: João Brigatti

Nenhum comentário:

Postar um comentário