Coluna 1

quarta-feira, 20 de março de 2019

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje quarta feira (20)

GOVERNO
- Bolsonaro se desculpa após criticar imigrantes
O presidente Jair Bolsonaro assumiu como erro na terça-feira (19) sua declaração de que a maior parte dos imigrantes que se mudam para os Estados Unidos ‘tem más intenções’, feita em entrevista à emissora Fox News exibida na noite anterior. Em entrevista a jornalistas brasileiros depois de seu encontro com o presidente americano, Donald Trump, na Casa Branca, ele pediu desculpas. (Via VEJA.com)

 - Em reunião, Bolsonaro e Trump tratam de OCDE e Venezuela
O encontro entre os presidentes Jair Bolsonaro e Donald Trump, que encerrou ontem a primeira visita do líder brasileiro aos EUA como chefe de Estado, foi marcado por cinco pontos estratégicos na relação entre os dois países. Eles trataram do apoio americano à entrada do Brasil na OCDE, de uma eventual invasão militar da Venezuela, do avanço do socialismo no continente americano, do acordo bilateral em torno da base de Alcântara e do comércio com a China. (Via BBC News Brasil)
MILITARES
- Bolsonaro analisa aposentadoria dos militares
A proposta de reforma da Previdência dos militares será tema nesta quarta-feira (20) de reunião no Palácio da Alvorada. O presidente Jair Bolsonaro, já de volta ao Brasil, deve analisar o texto, acompanhado do vice-presidente Hamilton Mourão, de comandantes do Exército, da Aeronáutica e da Marinha, além do ministro da Defesa e de integrantes da equipe econômica. A expectativa é que a proposta seja encaminhada ao Congresso ainda hoje, iniciando a tramitação na Comissão de Constituição e Justiça. (Via Agência Brasil)

- PGR investiga ministro da Educação por improbidade
A Procuradoria da República no Distrito Federal abriu uma investigação para apurar possível improbidade administrativa do ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, no envio de cartas às escolas de todo Brasil. A mensagem pedia que as crianças fossem perfiladas para cantar o Hino Nacional e que o momento fosse gravado em vídeo e enviado para o governo. O e-mail solicitava ainda que fosse lida para elas uma carta do ministro que terminava com o slogan da campanha de Bolsonaro. (Via Estadão)
Bolsonaro corta 13,7 mil cargos em universidades 

- Pressionado, Alcolumbre resiste à CPI da Lava Toga
Eleito com um discurso de alternativa à chamada ‘velha política’ e com a ajuda das mídias sociais, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), contraria agora a ‘voz das redes’ para barrar a chamada CPI da Lava Toga, cujo pedido foi protocolado ontem, com a assinatura de 29 senadores – duas a mais que o necessário. Alcolumbre foi aconselhado pelo Planalto a segurar a CPI, sob a justificativa de que o tema vai paralisar a pauta do Senado e a tramitação da reforma da Previdência. (Via Estadão)
Inquérito de Lindbergh é 1º enviado à Justiça Eleitoral

BRASIL
- Suzano: suspeito detalhou ação antes de ataque
O adolescente de 17 anos suspeito de participação no ataque a tiros na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), é considerado pelos investigadores um dos mentores do massacre e uma pessoa ‘fria’. O jovem foi levado para uma unidade da Fundação Casa na terça-feira após a Justiça aceitar pedido de internação provisória apresentado pela promotoria. Documentos mostram que o rapaz trocou mensagens com professores e colegas logo após o ataque. Ao falar sobre o caso, ele afirma: ‘nem cheguei a chorar’, e ri. Nesta quarta-feira (20), uma semana após o ataque, estão programadas diversas atividades no colégio e uma missa na cidade, em homenagem às vítimas do massacre. (Via Estadão)
Flores e esporte: a volta dos alunos ao colégio de Suzano

- Polícia troca delegado do caso Marielle
O delegado Daniel Rosa assumirá a Divisão de Homicídios do Rio de Janeiro, departamento à frente das investigações do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e de seu motorista, Anderson Gomes. Antigo titular das investigações, o delegado Giniton Lages, fará um intercâmbio na Itália, segundo o governador do Estado, Wilson Witzel. (Via Poder360)

MUNDO
- Papa rejeita saída de cardeal e gera revolta
O Papa Francisco rejeitou a renúncia do cardeal francês Philippe Barbarin, condenado a seis meses de prisão com por não denunciar os crimes sexuais de um padre, revoltando as vítimas que consideram o sacerdote um símbolo do silêncio da Igreja frente à pedofilia. Segundo um comunicado do Vaticano, o papa evocou ‘a presunção de inocência’ para o caso do cardeal. (Via AFP)

FUTEBOL
- Após polêmica, Jean treinará afastado no São Paulo
O goleiro Jean passará a treinar em horários alternativos no CCT da Barra Funda após abandonar a reunião da última segunda-feira entre o elenco e a comissão técnica do São Paulo. Ontem, o clube anunciou que o atleta está afastado do elenco até segunda ordem. Contratado por R$ 6 milhões no ano passado, Jean tem contrato com o São Paulo até o fim de 2022. (Via Gazeta Esportiva)
Vice do São Paulo chama Leco de 'problema total'
Palmeiras pode atravessar São Paulo por Pato
Tite esboça Seleção com novidades para amistoso

LOTERIA
- Mega-Sena acumulada deve pagar R$ 33 milhões
Acontece nesta quarta-feira (20) o concurso 2135 da Mega-Sena. A loteria está acumulada e deve pagar R$ 33 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio acontece às 20h, horário de Brasília, e as apostas podem ser feitas até uma hora antes.

VEJA TAMBÉM:
As notícias mais importantes do momento, selecionadas pelos editores do LinkedIn
Veja a cotação do dólar, peso e outras moedas hoje
Confira a previsão do tempo para hoje na sua cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário