Coluna 1

sábado, 23 de março de 2019

Governo e professores discutirão piso e compromissos mútuos

Dirigentes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará (Sintepp) e técnicos do Governo do Estado se reunirão no dia 29, às 14 horas, em local ainda a confirmar, para tratar sobre o piso salarial dos professores e outros aspectos relacionados à educação estadual. Na ocasião, deverá ser assinado um Termo de Cooperação entre as partes. Alberto Andrade, integrante da coordenação do Sintepp, informou que a entidade recebeu, na tarde de ontem sexta-feira (22), ofício encaminhado pelo Governo do Estado confirmando a reunião. Na ocasião, a gestão atual deverá apresentar a proposta de pagamento do Piso Nacional.
"Nós temos uma assembleia marcada para segunda-feira (25), às 9 horas, na Escola Estadual Cordeiro de Farias, no bairro do Marco, quando vamos mobilizar a categoria para a negociação do dia 29 e também deliberar sobre uma assembleia a ser realizada após a reunião com o Governo", afirmou Alberto Andrade. Essa segunda assembleia deverá ocorrer em 3 ou 4 de abril.

Termo de Cooperação
A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) negocia com os trabalhadores da rede estadual de ensino desde fevereiro, acerca de tópicos do cotidiano das escolas e aspectos salariais. A Sead e a Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan) participam dessas negociações. 

Na reunião do dia 29, o Governo do Estado e os trabalhadores da educação estadual deverão firmar um Termo de Cooperação, em que cada parte assumirá compromissos sobre diversos aspectos da rede pública, incluindo o piso salarial dos professores. 

Greve
Ontem sexta-feira (22), no final da manhã, dirigentes do Sintepp e do Governo do Estado participaram de audiência presidida pela desembargadora Luzia Nadja do Nascimento, do Tribunal de Justiça do Pará (TJPA), que buscou uma conciliação entre as partes acerca de um pedido de abusividade da greve dos docentes estaduais em 2017, pedido este retirado pelo atual governo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário