Coluna 1

sábado, 2 de março de 2019

Pai de criança que morreu em incêndio no Canudos postou foto com filho horas antes do acidente

Tragédia: Segundo moradores, ele tinha saído de casa pouco antes das chamas começarem.
O pai do menino Arthur, de três anos, vítima morta do incêndio que atingiu uma vila de casas da rua Roso Danin, no bairro do Canudos, na noite desta sexta-feira, 02, postou uma foto com o filho poucas horas antes do incêndio acontecer. Na publicação, postada em um aplicativo de mensagens instantâneas, ele escreveu "Eu te amo daqui a pouco já está do meu tamanho" referindo-se ao filho. 
De acordo com vizinhos da família, que também tiveram as casas atingidas, o pai da criança, identificado apenas como André, tinha saído da casa pouco antes das chamas iniciarem. Na residência, moravam a criança, a avó e o pai.

A avó, identificada como Lúcia, estava com o garoto no momento do incêndio, mas não conseguiu salvar o neto. Ela foi encaminhada para a UPA da Terra Firme, em virtude das queimaduras no corpo ao tentar entrar no quarto do menino para salvar a criança. Não há informações sobre o estado de saúde dela.

Outros moradores também tentaram entrar na residência para salvar Arthur, mas as chamas já haviam se alastrado, o que impossibilitou o socorro. 
A suspeita dos moradores é de que o fogo tenha iniciado no aparelho de ar condicionado que estava no quarto da criança. O corpo de bombeiros ainda não confirmou a informação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário