Coluna 1

quarta-feira, 5 de junho de 2019

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje quarta feira (05)

JUSTIÇA
- Vice da CBF cita novo vídeo envolvendo Neymar
O vice-presidente da CBF, Francisco Noveletto Neto, disse na noite desta terça-feira que não descarta a possibilidade de Neymar pedir dispensa da seleção brasileira para a disputa da Copa América. Na opinião do dirigente, a grande pressão pela acusação de estupro e pela investigação sobre crime virtual podem atrapalhar o jogador a se concentrar para o torneio. Em entrevista à afiliada do SBT do Rio Grande do Sul, Noveletto Neto afirmou que foi informado da possível divulgação nos próximos dias de um novo vídeo sobre o caso. O material poderia aumentar ainda mais o problema. (Via Estadão)

- MPF diz ao STJ que Lula pode ir para o semiaberto
Em um parecer apresentado ao Superior Tribunal de Justiça, o Ministério Público Federal disse entender que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso desde 7 de abril de 2018, tem direito a cumprir no regime semiaberto a pena imposta a ele no caso do tríplex do Guarujá (SP). Neste tipo de regime carcerário, o preso tem autorização para deixar a cadeia durante o dia para trabalhar e volta à noite. (Via VEJA.com)
GOVERNO
- Bolsonaro diz que ainda não tem votos para Previdência
O presidente Jair Bolsonaro reconheceu que o governo tem tido dificuldade em montar uma base no Congresso para aprovar a proposta de reforma da Previdência e disse acreditar que ainda não tem os 308 votos necessários para aprovar a proposta no plenário da Câmara, mas afirmou que parlamentares ‘reticentes estão cedendo’. A fala foi ao ar na terça-feira (4) no ‘Programa do Ratinho’, do SBT. A entrevista foi gravada no último dia 27. (Via Estadão)

- Olímpio quer impedir recesso do Senado em julho
O líder do PSL no Senado, Major Olímpio (PSL-SP), pediu ao presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), para suspender o recesso parlamentar de julho. Segundo o senador, período deveria ser utilizado para votação da reforma da Previdência. Em ofício encaminhado a Alcolumbre, Olímpio cita projeção de que a reforma seja votada na Câmara no primeiro semestre do ano. (Via VEJA.com)

- Capes bloqueia mais 2,7 mil bolsas de pesquisas
A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) anunciou o bloqueio de mais 2.724 bolsas de mestrado e doutorado no País. O órgão, ligado ao Ministério da Educação, diz que o congelamento é necessário em função do contingenciamento de R$ 7,4 bilhões do orçamento da pasta. No mês passado, a Capes já havia anunciado o corte de 3.500 bolsas - depois da repercussão negativa com a comunidade acadêmica e científica, 1,2 mil foram reabertas. (Via Estadão)

BRASIL
- Proposta de CNH exclui cadeirinha e toxicológico
Além de ampliar a validade da habilitação e dobrar o limite de pontuação de multas, o projeto de lei entregue pelo presidente Jair Bolsonaro à Câmara dos Deputados nesta terça-feira, 4, altera outros pontos da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Antes de entrar em vigor, entretanto, o texto será discutido em comissões especiais e aprovado pelos parlamentares. O texto inclui a exigência de cadeirinha para crianças com idade até sete anos e meio nos veículos adaptados ao peso e à idade. Ainda, os motoristas profissionais não precisarão realizar o exame toxicológico para detectar o consumo de drogas. (Via VEJA.com)

- Comissão aprova projeto que antecipa feriados para segunda-feira
Se depender de um projeto aprovado no Senado na terça-feira os brasileiros podem ter mais feriados prolongados. A Comissão de Educação, Cultura e Esporte da Casa aprovou uma proposta que antecipa para segunda-feira os feriados que caírem nos demais dias da semana, com exceção dos que ocorrem nos sábados e domingos e de algumas datas especiais. O texto segue diretamente para a Câmara e, se confirmado pelos deputados, entra em vigor três meses após virar lei. (Via Estadão)

- Guedes: não haverá concursos públicos ‘por um tempo’
O ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou na terça-feira que o governo optou por não promover concursos públicos por um tempo. Segundo Guedes, cerca de 40% do funcionalismo federal atual deve aposentar-se em até cinco anos, o que possibilitará ao governo enxugar a máquina pública sem demitir. (Via VEJA.com)

FUTEBOL
JOGOS DE HOJE
Amistoso da Seleção
21h30 – Brasil x Qatar
Copa do Brasil
19h15 – Athletico-PR x Fortaleza
19h15 – Cruzeiro x Fluminense

LOTERIA
- Mega-Sena acumulada sorteia hoje R$ 63 milhões
Acontece nesta quarta-feira o concurso 2.157 da Mega-Sena, que está acumulada e deve pagar R$ 63 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio está previsto para as 20h, horário de Brasília, e as apostas podem ser feitas até uma hora antes.

VEJA TAMBÉM:

Nenhum comentário:

Postar um comentário