Coluna 1

quinta-feira, 6 de junho de 2019

Agenda do dia: veja o que você precisa saber hoje quinta feira (06)

JUSTIÇA
- Modelo detalha na TV acusação de estupro contra Neymar
Pela primeira vez, a modelo e estudante Najila Trindade Mendes de Souza, que denunciou o jogador Neymar de estupro, falou publicamente sobre a acusação. Em entrevista ao jornalista Roberto Cabrini, no telejornal ‘SBT Brasil’ nesta quarta-feira (5), a mulher afirmou que foi vítima de violência sexual e lesão corporal. A modelo irá prestar depoimento na próxima quinta-feira (6), na Delegacia da Mulher, em São Paulo. (Via HuffPost Brasil e ESPN)
Vídeo da briga entre Neymar e modelo vaza na internet
Globo afasta Mauro Naves por envolvimento em ‘caso Neymar’

 GOVERNO
- Bolsonaro se reúne com presidente argentino em Buenos Aires
O presidente Jair Bolsonaro visita a Argentina pela primeira vez nesta quinta (6). Ele chega a Buenos Aires pela manhã e antes do meio-dia se reunirá com o presidente Mauricio Macri na Casa Rosada, a sede da presidência. Mercosul e tarifas de trigo são assuntos que podem ser 'espinhosos' durante o encontro. À semelhança do que aconteceu durante a visita presidencial ao Chile em março, na Argentina foram convocados atos públicos contra Bolsonaro. Ele retomará os compromissos no Brasil amanhã. (Via BBC News Brasil)

- Presidente sobre CNH: ‘Por mim, botaria 60 pontos’
O presidente Jair Bolsonaro afirmou na quarta-feira, 5, que, se dependesse apenas de uma decisão sua, teria elevado de 20 para 60 pontos o limite para suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Na terça-feira, Bolsonaro entregou pessoalmente à Câmara dos Deputados um projeto de lei que muda o Código de Trânsito Brasileiro. A proposta amplia de 20 para 40 pontos o limite para suspensão da CNH e elimina exames toxicológicos para motoristas profissionais. Segundo especialistas, a ampliação do limite de pontos traz risco de elevar o número de acidentes e mortes no trânsito. (Via Estadão)

- Hacker invade celular de Sergio Moro e usa app
O celular do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, foi invadido por um hacker na terça-feira (4). Moro percebeu que havia algo errado por volta das 18h, quando recebeu uma ligação de seu próprio número. Ele atendeu ao telefonema, mas ninguém respondeu do outro lado da linha. A invasão ocorreu por meio do aplicativo de troca de mensagens Telegram e durou até aproximadamente a 1h de quarta-feira. O ministro cancelou a linha de telefone invadida e acionou a Polícia Federal, que está sob suas ordens no ministério, para investigar o caso. (Via VEJA.com)

BRASIL
- Famílias das vítimas de Suzano aceitam acordo
Todas as famílias de estudantes vítimas do massacre na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Região Metropolitana de São Paulo, fizeram acordos extrajudiciais de indenização com o Estado. Segundo a Defensoria Pública de São Paulo, 45 pessoas ao todo foram indenizadas. O ataque ocorreu no dia 13 de março, deixando 10 mortos, incluindo os dois atiradores. As indenizações abrangeram 18 famílias (de cinco estudantes e duas funcionárias que morreram e de 11 alunos que sofreram lesões). (Via Estadão)

- Juiz convida Bolsonaro a depor sobre facada
O juiz da 3ª Vara Federal convidou o presidente Jair Bolsonaro a depor em ação penal contra Adélio Bispo de Oliveira, preso desde setembro, por esfaquear o então candidato durante as eleições de 2018. Adélio foi denunciado no dia 2 de outubro pelo atentado. O MPF seguiu o entendimento da investigação conduzida pela PF e enquadrou o agressor no artigo 20 da Lei de Segurança Nacional pela prática de ‘atentado pessoal por inconformismo político’. Dois dias depois, o magistrado abriu ação penal e pôs Adélio no banco dos réus. (Via Estadão)

ECONOMIA
- Caixa renegocia dívidas e reduz juro imobiliário
A Caixa anunciou na quarta-feira a redução dos juros cobradas no financiamento imobiliário e a equiparação das taxas praticadas no SFH (Sistema Financeiro de Habitação) – para imóveis com valor inferior a R$ 1,5 milhão – e do SFI (Sistema Financeiro Imobiliário) – para os imóveis de valor mais alto. Agora, os 2 sistemas praticarão taxas que vão de 8,5% ao ano a 9,75% ao ano. (Via Poder360)

FUTEBOL
JOGO DE HOJE
Copa do Brasil
20h00 – Santos x Atlético-MG LOTERIA

- Mega-Sena acumula de novo e vai a R$ 70 milhões
O concurso 2.157 da Mega-Sena foi realizado na noite de quarta-feira (5), em São Paulo. Nenhum apostador acertou as seis dezenas e o prêmio máximo, que seria de R$ 63 milhões, acumulou para R$ 70 milhões. O próximo sorteio será no sábado (8).  Confira os números de ontem. (Via SorteOnline)

VEJA TAMBÉM:
As notícias mais importantes do momento, selecionadas pelos editores do LinkedIn
Veja a cotação do dólar, peso e outras moedas hoje
Confira a previsão do tempo para hoje na sua cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário